Seguros

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2111 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
FINANCIAL SERVICES

Análise ao Sector Segurador
e de Fundos de Pensões
em Angola
Abril 2012

kpmg.co.ao

KPMG Angola

2 | Section or Brochure name

Índice
1. Prefácio e Agradecimentos

3

2. Metodologia do Estudo

4

3. Enquadramento Macroeconómico

6

4. O Sector Segurador em Angola

12

5. O Sector de Fundos de Pensões em Angola

24

6.Tendências e Desafios28

7 Principais Conclusões
.

40

Anexo 1 - Quadros Resumo

42

Anexo 2 - Legislação de Seguros e Fundos de Pensões

46

KPMGsegurosSURVEY.indd 2

12/04/05 12:05

Análise ao Sector Segurador e de Fundos de Pensões em Angola | 3

1. Prefácio
e Agradecimentos

É com enorme satisfação que a KPMG apresenta o primeiro
estudo sobre o Sector Segurador e de Fundos de Pensões emAngola de forma agregada.
Pretendemos que este estudo possa constituir um marco
para este Sector em Angola. Para este efeito procurámos
incluir o nosso ponto de vista quanto à performance deste
Sector em Angola entre 2008 e 2010, bem como uma breve
descrição das tendências e principais desafios que se
apresentam às Companhias de Seguros e Entidades Gestoras
de Fundos de Pensões nospróximos anos, fruto das
trajectórias de evolução e maturidade dos mesmos.
O ano de 2010 marcou a retoma do ritmo de crescimento
económico em Angola, após um período de alguma
desaceleração, devido, essencialmente, à quebra acentuada
dos preços do petróleo nos mercados internacionais. Não
obstante existirem claros sinais de optimismo na retoma do
crescimento económico, a economia angolana mantém asua
exposição aos efeitos potenciais de uma crise económica
internacional, na medida em que o PIB do País permanece
ainda muito dependente das receitas oriundas do petróleo.

Fruto deste crescimento e de algumas transformações
no plano regulamentar, o Sector Segurador e de Fundos
de Pensões têm apresentado um crescimento sólido,
enfrentando importantes desafios, tanto a nível estratégico,como operacional.
Esperamos que este estudo contribua para um melhor
conhecimento deste importante Sector, não apenas nas
principais dimensões quantitativas, mas também das
principais tendências e desafios.
Gostaríamos ainda de apresentar um especial agradecimento
pelo empenho de todos os que colaboraram na preparação
deste estudo, esperando que o mesmo corresponda às
melhoresexpectativas dos seus destinatários.

Luanda, Abril de 2012

Sikander Sattar
Presidente do Conselho
de Administração
KPMG Angola

KPMGsegurosSURVEY.indd 3

12/04/05 12:05

4 | Análise ao Sector Segurador e de Fundos de Pensões em Angola

2. Metodologia do Estudo
Metodologia do Estudo e Fontes de Informação
Este estudo sobre o Sector Segurador e de Fundos de
Pensões em Angola resulta dacompilação de informação
disponibilizada pelo Instituto de Supervisão de Seguros de
Angola (ISS) relativamente às Companhias de Seguros e
Sociedades Gestoras de Fundos de Pensões a actuar em
Angola, bem como de dados recolhidos junto de outros
organismos nacionais e internacionais, nomeadamente do
Ministério da Economia de Angola, do Fundo Monetário
Internacional, do Instituto de Seguros dePortugal (ISP), da
Swiss Re e da Fenaseg, relativos aos mercados africano,
europeu, americano e asiático.
A análise efectuada baseia-se em valores agregados do
mercado referentes aos anos de 2008, 2009 e 2010, quando
disponíveis. Os dados apresentados no estudo podem vir
ainda a sofrer ajustes pontuais, não sendo porém expectável
impactos nas conclusões apresentadas. Adicionalmente,
quandoaplicável, é feita a comparação com indicadores
agregados de outros países (nomeadamente Portugal, Brasil,
África do Sul e Reino Unido) com o objectivo de perspectivar
uma possível evolução deste Sector em Angola.
A informação quantitativa agregada apresentada para o mercado
angolano, refere-se a este conjunto de Companhias de Seguros
e Sociedades Gestoras de Fundos de Pensões, salvo...
tracking img