Saude da mulher

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1151 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE DE SAÚDE CIÊNCIAS HUMANAS E TECNOLÓGICAS DO PIAUÍ - NOVAFAPI
CURSO: ENFERMAGEM
TURMA: P05 MANHÃ
DISCIPLINA: SAÚDE DA MULHER
PROFESSORA: CILENE CROZOSTOMO

MARIA FRATYELLE CARVALHO AZEVEDO

POLIDRÂMNIO – UM ESTUDO DE CASO


TERESINA
2011

INTRODUÇÃO
O líquido amniótico tem grande importância no crescimento, no desenvolvimento e nas funções fetais, permitindo odeslizamento das partes fetais entre si e entre o feto e as membranas, favorecendo o desenvolvimento dos sistemas locomotor e respiratório. (COSTA; CUNHA; BEREZOWSKI, 2005)
Foi demonstrado que aproximadamente 3.600 ml de líquido amniótico são trocados entre a mãe e o feto a cada hora. Este é um processo ativo que, para o seu perfeito funcionamento, depende do bem-estar fetal, da saúde materna e daintegridade da placenta e seus anexos. O volume considerado normal para o líquido amniótico varia de acordo com a idade gestacional, e estes valores encontram-se em torno de 250 ml na 16ª semana, 800 ml na 28ª semana, atingindo 1.000 ml na 34ª semana. (COSTA; CUNHA; BEREZOWSKI, 2005)
Clinicamente podemos identificar alteraçõess no LA, entre essas alterações temos o polidrâmnio ou hiperidrâmnio que é oacentuado excesso de líquido amniótico, reconhecido ao exame físico, pois se observa um útero grande para a idade gestacional. (MONTENEGRO; REZENDE, 2008)
É conhecida a relação entre polidramnia e as anomalias congênitas fetais, presentes em cerca de 60% dos casos, especialmente as do sistema nervoso central (anencefalia, defeitos do tubo neural) e as atresias altas do tubo digestivo (esôfago eduodeno). (MONTENEGRO; REZENDE, 2008). O polidrâmnio também pode ser causado por vários distúrbios fetais e maternos ou pode ser idiopático, em que as malformações do trato gastrintestinal e o diabetes mellitus são as causas fetais e maternas mais freqüentes. (COSTA; CUNHA; BEREZOWSKI, 2005)
O polidrâmnio pode ser diagnosticado na forma aguda ou crônica. Na forma aguda é caracterizado pelo acúmulorelativamente rápido de LA, própria do segundo trimestre, a forma crônica é caracterizada pelo acúmulo de líquido em período relativamente longo, podendo alcançar grandes volumes, e o aumento do útero se faz gradativamente. (CORRÊA; MELO; AGUIAR; CORRÊA JÚNIOR, 2004)
Segundo o Ministério da Saúde o aumento do LA pode ser identificado pelo exame físico como por sinais, que seria: aumento do FUpara a IG, ganho ponderal materno acima do esperado, sobredistensão uterina e dificuldade de palpação das partes fetais. Exames complementares podem ser solicitados, como a ultra-sonografia, que sela o diagnóstico e é indispensável para reconhecer a gemelidade e revelar algumas das anomalias congênitas freqüentemente associadas. Quando a ultra-sonografia mostra, como dissemos, bolsão de líquidoamniótico > 8 cm no seu diâmetro vertical, confirma-se o diagnóstico de polidramnia.(MONTENEGRO; REZENDE, 2008). O sucesso na conduta dependerá de vários fatores: idade gestacional, presença de anomalias fetais e sintomatologia materna.
O tratamento ocorre pelo esvaziamento do polidrâmnio, através de Amniocentese Transabdominal, (aspiração do líquido), que deve ser guiada pela ultra-sonografia. Ovolume máximo a ser esvaziado em 24horas deverá ser em torno de 1500 a 2000 ml, que deverá ocorrer de forma lenta. A indometacina é a medicação mais utilizada para o problema, na dose de 100mg/dia, durante três dias, pois é um potente inibidor da síntese de prostaglandinas, que é capaz de normalizar o volume do LA, através da capacidade de reduzir o fluxo sanguíneo e a diurese fetal. Seu emprego deveser limitado até 34 semanas de gravidez. (CORRÊA; MELO; AGUIAR; CORRÊA JÚNIOR, 2004)
O prognóstico materno é bom, apenas gravado por algumas complicações de prenhez e do parto. O mesmo não se dá com o feto: muito freqüentes as malformações, a prematuridade, as lesões anóxicas e traumáticas. A mortalidade perinatal orça em torno de 50%. Nas formas agudas, a interrupção é a regra, e como o...
tracking img