Resumo o manifesto comunista

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (727 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Manifesto comunista: burguesia fez as relações monetárias, os produtos intelectuais d kda nação se tornam patrimônio comum, na mesma proporção em q se desenvolve a burguesia, se desenvolve tb oproletariado (trabalhadores) tais operarios são uma mercadoria como qqr outra do comercio.As despesas causadas pelo operário se reduzem quase exclusivamente aos meios d subsistência d q necessita para suamanutenção.Na medida em q aumenta o tedio do trabalho, o salário diminui.Operários são escravizados, servos da maquina.Não há diferença entre sexo e idade, são apenas instrumentos d trabalho.Ao invésd o operário se elevar com o progresso da indústria, desce kda vez mais, caindo abaixo das condições d existência d sua própria classe. M.P. Capitalista=vida social é direcionada p/ a produção ereprodução d mercadorias.
Trabalho Estranhado:o trabalhador baixa à condição d(mais miserável) mercadoria, a miséria do trabalhador se põe em relação inversa à grandeza d sua produção.O trabalhador setorna tanto + pobre quanto +riqueza produz, se torna uma mercadoria tão + barata qto + mercadorias cria.Com a valorização do mundo das coisas aumenta a desvalorização do mundo dos homens,o trabalho ñproduz apenas mercadorias, produz a si msm e ao proprio trabalhador. O objeto q o trabalho produz, se defronta cm um ser estranho, cm um poder independente do produtor,o produto do trabalho é o trabalhoque se fixou num objeto, se fez coisa, é a objetivação do trabalho.A efetivação do trab. é a sua objetivação.Essa realização aparece ao capitalista cm desrealização do trabalhador, este se tornaservo ao objeto, a apropriação como estranhamento, alienação. Qto + o trabalhador produz, menos ele pode possuir e + fica sob o domínio do capital, qto + ele se desgasta trabalhando, + poderoso se torna omundo alheio q ele cria diante de si e + pobre ele se torna no seu mundo interior e menos o trabalhador pertence a si próprio. A vida do trabalhador pertence ao objeto.Ele nada pode criar sem a...
tracking img