Resumo sobre o texto do sus

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 5 (1193 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 20 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Resumo sobre o texto “SUS – Saúde e Cidadania 2”



SUS: criado com a Constituição Federal de 1988 no intuito de promover a igualdade de direitos, eliminando um antigo sistema de saúde seletivo e excludente. Antes do SUS, só havia atendimento à saúde para trabalhadores com carteira assinada e suas famílias (as outras pessoas, os “indigentes”, tinham acesso a esses serviços como um favor e nãocomo um direito). O SUS, portanto, refletiu o momento histórico vivido pela sociedade (período de redemocratização), reafirmando a igualdade desejada por todos.



Princípios doutrinários do SUS:

• Universalidade: acesso aos serviços de saúde para todos, em todos os níveis de assistência. Não há obrigatoriedade em ser trabalhador para ter acesso aos serviços oferecidos pelo SUS; parater direito à saúde, basta estar vivo. Esse princípio é confirmado pela Lei 8080/90 (Lei Orgânica da Saúde). Com ele, a saúde passa a ser direito de todos, independentemente de suas características peculiares.

• Integralidade: na Lei Orgânica da Saúde (8080/90), esse princípio aparece com o nome “atendimento integral”. O atendimento da pessoa deve ser realizado considerando-a como um todointegrado (e não apenas como um órgão enfermo), e deve haver ações de saúde voltadas para promover não só o tratamento dos danos gerados, mas principalmente a prevenção, diminuição e erradicação dos fatores geradores de agravos. As ações de integralidade são consolidadas através das seguintes ações:

✓ Promoção: adoção de comportamentos menos arriscados à saúde, pela população. Exs.:Programa Nacional de DST e AIDS.

✓ Recuperação: agem sobre danos à saúde já instalados, promovendo a limitação da invalidez e a reabilitação, além do diagnóstico de doenças. Exs.: serviços de urgência e emergência.

✓ Prevenção: estratégia voltada para o futuro; busca a melhoria da qualidade de vida em relação a determinados fatores específicos, estimulando as pessoas a deterema propagação de um determinado causador de patologia. Geralmente, é a medida mais eficaz pois não há outra forma de evitar o contágio. Exs.: vacinação, prevenção às doenças sexualmente transmissíveis, saneamento e fluoretação da água.

✓ Reabilitação: recuperação (parcial ou total) das capacidades individuais no processo de doença e reintegração do indivíduo à sociedade. Exs.: unidadesprestadores de serviços (postos de saúde, hospitais, clínicas).

✓ Proteção: estratégias que buscam conhecer e monitorar o estado de saúde da comunidade. Exs.: vigilância epidemiológica (vacinas, saneamento básico) e vigilância sanitária (exames médicos e odontológicos periódicos).

• Equidade: significa “tratar desigualmente os desiguais”. Para o SUS, todas as pessoas são iguais,mas cada uma deve ser tratada e cuidada de acordo com sua necessidade. O objetivo final da equidade é, portanto, tratar as diferenças para promover a igualdade.



Princípios organizativos do SUS:

✓ Descentralização: divisão das responsabilidades de acordo com as unidades administrativas e os respectivos gestores federais, estaduais, distritais e municipais.

✓ Regionalização: éo eixo estruturante dos serviços do SUS, pois racionaliza os gastos, otimiza os recursos e garante que os diferentes interesses e demandas loco-regionais possam ser expressos e atendidos em cada região. A regionalização é fundamental para garantir a equidade no acesso aos serviços de saúde.

✓ Hierarquização: a rede de serviços do SUS deve ser organizada hierarquicamente em níveis deassistência. Isso possibilita um melhor conhecimento dos problemas de saúde da população de uma área delimitada, visando a atendê-la com maior eficácia e rapidez. A população inicialmente recorre ao nível básico de atendimento, que deve ser qualificado para atender os principais problemas de saúde. Os demais problemas serão referenciados para os níveis superiores de assistência de acordo com seu grau...
tracking img