Resumo do livro a arte da guerra

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1637 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A ARTE DA GUERRA

Para serem decididas muitas opiniões hoje em dia é necessário lutar para se obter sucesso, como no livro a “Arte Da Guerra” essa citação não é diferente.
A guerra é um dos assuntos mais importantes do estado, pode levá-lo a sobre a vivencia ou a desgraça, por isso, antes de recorrer a guerra o estado deve estudar muito bem este assunto.
Como em “O Príncipe”, de Maquiavel, olivro de Sun Tzu, pode, da mesma forma, mostrar o caminho da vitória em todas as espécies de conflitos comerciais comuns, batalhas em sala de diretoria e na luta pela sobrevivência, que todos enfrentamos. São todas as formas de guerra, todas combatem sob as mesmas regras.
Para prever o resultado de uma guerra precisam-se analisar cinco fatores são eles: caminho, clima, terreno, comando edoutrina.
O caminho é o que faz com que as idéias dos governantes estejam de acordo com as idéias do povo, sendo assim mesmo com o medo da guerra, estarão defendendo seu estado.
O clima é o dia e noite, frio e calor, e a sucessão das estações.
O terreno indica as condições da natureza. Se esta perto ou longe, se é fácil ou difícil, se as condições são favoráveis ou não a sobrevivência.
O comandorefere-se a quem esta à frente da batalha, suas virtudes.
A doutrina diz respeito à organização eficiente, a existência de uma cadeia de comando rígida.
Quem conduz os soldados baseando-se nesses cinco fatores pode alcançar a vitoria.
Para saber o poder relativo entre as forças devem-se fazer algumas perguntas como: Qual povo escolheu? Qual comandante tem mais habilidade? Qual dos lados tem maisvantagem do clima e do terreno? Qual dos exércitos manifesta uma disciplina mais efetiva? Qual dos lados possui superioridade militar? Qual dos lados tem os soldados mais bem treinados? Qual dos lados possui um sistema de recompensa e de castigos mais justos e claros?
Se agirmos com sabedoria sobre esses fatores irá prever o resultado da batalha.
O chefe deve ser dissimulado, ou seja, se é capaz,fingir não ser, se estiver preparado deve fingir não estar.
Um chefe que recompensa muito freqüentemente seus soldados está com problemas. Ele que muito freqüentemente castiga os seus está com angústias sérias. Se ele trata os seus soldados com violência e, depois teme que eles o traiam, é extremamente inepto.
Um bom chefe deve: oferecer uma isca para fascinar o inimigo que procura vantagem,capturar o inimigo quando estiver em desordem, preparar contra o inimigo se este for mais forte.
O comandante deve atacar onde o inimigo este desprevenido e utilizar caminhos inesperados. Mas estes fatores não podem ser determinados por antecipação, com base em fatos passados.
O general deve fazer esses cálculos antecipadamente, o o lado que fizer mais ponto viverá.
No gerenciamento da guerradeve-se preocupar com algumas provisões. Você precisará de muito dinheiro, muitos guerreiros bem equipados, deve também evitar uma campanha prolongada, pois isto acarretará um esgotamento dos recursos e desgaste da tropa. Depois que as forças estiverem desgastadas e recursos insuficientes ficarão fácil do inimigo tirar proveito desta situação.
Um comandante que domina a arte da guerra conduz omaterial e as provisões necessárias e faz uso das provisões do inimigo.
Geralmente o estado fica empobrecido, pois o custo para manter as tropas no campo de batalha é muito alto. Conseqüentemente haverá aumento no preço de artigos, alta nos juros, sendo assim empobrecerá o povo também.
O chefe deve procurar obter suas provisões no solo inimigo.
Na administração dos despojos e bens capturadosprocede-se da seguinte forma: se você que matar o inimigo, deverá despertar o ódio de seus soldados; se você quer obter a riqueza do inimigo, você tem que saber administrar a distribuição dos despojos; se seu exercito captura dez carruagens em uma batalha, você tem que recompensar o primeiro que levou a carruagem do inimigo; substitua as bandejas e estandartes do inimigo por suas próprias bandejas; ao...
tracking img