Resumo do livro vigiar e punir

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (801 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
"VIGIAR E PUNIR" - O sistema penal como instrumento de manipulação

Em seu livro “Vigiar e punir”, Foucault irá demarcar o nascimento da prisão no século XIX, como uma instituição de fato.Esta surge sem uma justificação teórica, aparecendo num determinado momento como necessária na construção da rede do poder para controlar todas as formas de ilegalismos, dividindo e opondo uns aosoutros.
Foucault dará um novo e definitivo passo na busca do pensar de outra forma diferente das formações históricas, onde ele pondera que essa referência não exclui outras possíveis já que não éúnica, quer no sentido do curso sucessivo do tempo, quer no âmbito interno de uma época.
Na perspectiva de elucidar a configuração dos saberes, sua origem, seu funcionamento, e ainda demonstrarde que modo esta configuração está vinculada a modos de exercícios do poder, Foucault realça as correlações entre os discursos e a estrutura social.
A genealogia foucaultiana encara o poder talcomo este o é de fato. Não procura explicar, mas expõe o que acontece de modo a nos tornar familiar esse discurso de fatos que destroem idéias e evidências anteriores, bem como referências que apenasescondem os fatos.
O poder aparece selvagem, bárbaro, inumano e se torna evidente que este tem uma perspectiva própria, específica, irredutível. Diante de tal fato, Foucault muda a escala dedescrição e análise, onde se percebe sua atenção voltada para os detalhes do poder, daqueles que o exercem, ou a ele são submissos, confrontando-os uns com os outros.
A manifestação do podertendo como objeto o corpo dos súditos é uma tática política existente em toda a história da humanidade, desde os suplícios medievais até o controle do tempo nas modernas sociedades capitalistas.Michel Foucault demonstra a atrocidade do poder punitivo manifestado no suplício: uma forma de manter a relação de poder soberano x súdito através do medo. O objetivo do suplício não era retribuir ao...
tracking img