Resumo do livro historia da crianca e da familia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1520 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1º O SENTIMENTO DA INFÂNCIA

Nos tempos antigos percebe-se que as crianças não tinham ao menos uma vasta noção de sua importância. Não havia por exemplo um conhecimento nem mesmos sobre a sua própria idade, só por volta do século XVI, as crianças sabiam sua idade, mas existia um fato muito curioso em si, por questão de boas maneiras, elas eram obrigadas a não falar claramente e responder certasreservas.
Cada época correspondia uma idade privilegiada e uma periodização particular da vida humana. A idade privilegiada do século XVII era a juventude, do século XIX, a infância, e do século XX, a adolescência.
Na idade média as crianças eram vestidas indiferentemente de idade todas como adultos, as crianças pareciam miniaturas de adultos. Já com o passar do tempo, as crianças tiveram umespaço no qual puderam fazer uso de roupas mais apropriadas, lá pelo século XVIII, porém podemos notar na atualidade, uma volta a idade média no sentido da cópia, as criança estão cada vez mais sendo vestidas com roupas parecidíssimas com as dos adultos de hoje (principalmente nas meninas).
Além dos trajes hoje as crianças estão utilizando meios como bijuterias, esmaltes, cortes e tintura decabelos e muitos mais, para que essa semelhança com o mundo adulto seja realçada.
É importante ressaltar a maneira nas quais as brincadeiras eram introduzidas, como tocar instrumentos, brincar com catavento e pião. Pode nos parecer estranho nos dias de hoje, mas as crianças recebiam uma “pequena carruagem cheia de bonecas”, era normal que meninos e meninas partilhassem deste brinquedo. As coleçõesde miniaturas tanto hoje quanto antes eram muito utilizadas no meio das crianças (carrinhos, caminhõezinhos, bibelôs e etc).
Por volta dos sete anos iniciava-se o processo de abandono aos brinquedos e começa a aprender a montar a cavalo, a atirar e a caçar, joga jogos de azar e assistia a brigas. Em torno de 1600, as brincadeiras apareciam cavalaria, caça e cabra-cega.
Nos dias de hoje ascrianças estão muito mais ligadas a brinquedos eletrônicos, como vídeo game, jogos virtuais, brinquedos movidos a pilha, cada brinquedo ligado a uma certa idade, porém cada vez mais as crianças estão iniciando no mundo virtual.
Entre o século XVI e XVII a inocência das crianças eram ignoradas, a pedofilia fazia parte dos costumes daquele período, brincadeiras sexuais entre crianças e adultos.
Elasouviam e viam tudo que se passava no mundo dos adultos. Eles não achavam que poderiam ter quaisquer consequências sobre as crianças.
No século XVI, um grande movimento moral refletia com uma vasta literatura pedagógica, inserindo a ideia do que é criança e alguns princípios são inseridos que permeiam a super proteção da criança (já que ela é um “anjo”).

2º A VIDA ESCOLÁSTICA

Observando ahistória da educação no período da Idade Média podemos notar o progresso do sentimento da infância: como a escola e o colégio que se tornaram no início dos tempos modernos um meio de isolar as crianças justamente no período de formação moral e intelectual e, desse modo, separá-las da sociedade dos adultos, finalmente, visto que – na Idade Média – as diferentes idades eram misturadas e lançadas, aliás, aum ambiente inadequado para a aprendizagem. Já que na medieval misturavam-se todas as idades num mesmo local, ensinados por um mesmo mestre, não dispunha de um local próprio para ensino.
No século XV o colégio tornou-se instituto de ensino em que uma população numerosa foi submetida a uma hierarquia autoritária e de ensino das artes que serviu de modelo para as grandes instituições do século XVao XVII. O estabelecimento definitivo de uma regra de disciplina completou a evolução: de simples sala de aula, ao colégio moderno, instituição não apenas de ensino, mas de vigilância e enquadramento da juventude.
Já neste momento houve um olhar para as idades, os institutos eram adeptos de regras, turmas separadas por idades, tipo de ensino e outras como as de hoje.
A distinção das classes...
tracking img