Resumo das principais escolas criminais e suas ideias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (786 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
TRABALHO DE CRIMINOLOGIA

Resumo das principais Escolas criminais e suas ideias

As Escolas Clássicas executaram leis penais que precederam o Iluminismo, aondeos Juízes tinham plenos poderes e também usavam técnicas de tortura para obtenção de confissões, e somente após as criticas de Montesquieu, principalmente em sua obra “O Espirito das Leis”, com apublicação de Cesar Bonesana (Marquês de Becaria),destacando os horrores das leis penais vigentes, em 1764, a começar pela abolição da pena de morte e tortura. Defendia também que fundamentasse o quechamamos de principio brasileiro de Direito.

As Escolas Clássicas de Becaria e Feurbach, também a Escola Positiva, de Lombroso, Ferri e Garofalo, não tinham grandes preocupações com as Vitimas,estavam centrados nos elementos delitos/delinquente/pena.
.
A Escola moderna Alemã, que teve como principais Expoentes, Franz Von Liszt e Adolphe Brins, criadores da União internacional de Direitopenal em 1888 onde criaram conceitos penais e científicos da criminologia.

Fernandes e Fernandes defende a tese de que o crime seria um fenômeno social que conduz o homem a iniciação delitiva, fazendocom que ele venha cometer crime.

Nesse sentido, Luiz Flavio Gomes e Antônio Garcia Pablo de Molina comentam:
“O abandono da Vitima do delito é um fato incontestável que se manifesta em todos osâmbitos: no Direito Penal, na Politica Criminal, na Politica Social e nas Próprias ciências criminológicas”.

Dias e Andrade elucidam que essa teoria tem como proposito problematizar a ordem social,onde o crime deve ser tendencialmente globalizante.
Para Garcia-Pablos, esta teoria contempla o fato delitivo como fenômeno social.
As teorias criminológicas contemporâneas, não se limitam à análisedo delito segundo uma visão do individuo ou pequenos grupos, mas sim da sociedade.
.

Finalmente no ano de 1985, a vítima passa a ter direitos básicos de justiça com a coibição do abuso de poder....
tracking img