Resenha: sim ao trabalho infantil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (663 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
RESENHA: SIM AO TRABALHO INFANTIL
(DAVID FEFFER)
Escrito por: Janaína C.D Barbosa.
12-04-2012
O texto apresentado por David Feffer conduz à formulação de muitas perguntas; percebe-se então(diferentemente de conhecer), que o assunto em questão promove a geração de alternativas diversas sobre pensamentos orientadores da construção de opiniões.
O autor, David Feffer, é um empresário brasileiroformado em administração de empresas, presidente e acionista da Suzano Holding; seu texto (Sim ao Trabalho Infantil) foi publicado no dia 23/04/2003.
Ao ler o texto, é possível confrontar-se comdimensões fundamentais da existência do trabalho infantil.
A partir disso, e através de questionamentos trazidos à tona, formam-se opiniões, uma vez que o texto trata sobre assunto deveras polêmico, ecausador de grande repercussão, principalmente no ambiente das grandes cidades.
A exploração do trabalho infantil é comum em países subdesenvolvidos e países emergentes, como o Brasil, em cujasregiões mais pobres este trabalho apresenta demanda bastante elevada. Na maioria das vezes, isto ocorre devido à necessidade de se trazer melhorias financeiras ao ambiente familiar, onde geralmenteconvive-se com pobreza e elevado número de filhos.
Apesar de haver legislação que proíba oficialmente este tipo de trabalho, é comum constatar sua existência nas grandes cidades. Como não é hábito dos juízespunirem os pais, mas somente aqueles que contratam mão de obra infantil, a exploração então permanece, porque os envolvidos sabem que dificilmente as penas chegam a ser aplicadas.
O autor, DavidFeffer, diz que não há cidadão que possa ir contra a afirmação do então presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva, de que a fome é terrível e precisa ser combatida prioritária e obstinadamente. Tambémnão se pode negar que é essencial construir, e logo, um ambiente que permita a todo ser humano viver com dignidade. Devemos caminhar para adotar uma solução não assistencialista, em que o ideal é...
tracking img