Resenha do texto: cartas persas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (272 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Resenha do texto: Cartas persas

Aluno: André Luiz Marinho Carvalho
Matricula: 11/0159721

Em Cartas persas, Montesquieu discorre sobre uma viagem mítica, aqual ele teria feito para a Pérsia. Neste país ele faz amigos e observa os costumes do local, fazendo associação com os costumes europeus, como o tratamento para com asmulheres, se os homens devem ou não dar liberdade à elas; Levanta também critica a ciência mal formulada, uma ciência de pessoas que nada tem a acrescentar, poréminvestigam descobertas alheias e as apropriam, criando assim sua dita “ciência”.
No que se tange à religião Montesquieu é metódico, analisa a religião muçulmana como umareligião menos suntuosa como o catolicismo, diz que o debate sobre essa religião é muito amplo, em que até as mulheres são inseridas nos debates.
Debate-se também ospersonagens heroicos de ambas as culturas , ocidental e oriental, como o do imperador Alexandre, o grande, e Gengis Khan, pois os que defendem este último, falam quefaltaram historiadores para relatarem e guardarem para a posteridade, porque o que aconteceu foi o simples esquecimentos de grandes feitos. Mas não só os heróis foramlevados em consideração, os cidadãos são descritos como seres extremamente sociáveis e que passam seus dias em visitas aos amigos e nunca encontram alguém sem perguntar deonde o individuo vem e para onde vai.
Em resumo Montesquieu faz uma critica ao mundo oriental, a partir de ser etnocentrismo e arrogância, sem ao menos conhecer de fatoa região e possuir o conhecimento sobre a religião, diversidade étnica e cultural por base apenas de leituras com o julgamento prévio de historiadores europeus.
tracking img