Resenha do livro: psicopedagogia institucional aplicada

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1030 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ARGUMENTO PÓS-GRADUAÇÃO
CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA ESCOLAR E CLÍNICA






CLÁUDIO SANTOS DE JESUS













RESENHA DO LIVRO: PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL APLICADA




















SALVADOR
2013




CLÁUDIO SANTOS DE JESUS












RESENHA DO LIVRO: PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL APLICADATrabalho apresentado ao Curso de Especialização em Psicopedagogia Escolar e Clínica da Argumento Pós-Graduação como requisito parcial para conclusão da disciplina: Intervenção Psicopedagógica no Contexto Escolar, sob orientação da Professora Fernanda Amorim.





















SALVADOR
2013
A psicopedagogia como reflexão, estudo e aprendizagem na salade aula


FAGALI, Eloisa Quadros. Psicopedagogia institucional aplicada: aprendizagem dinâmica e construção na sala de aula / Eloisa Quadros Fagali e Zélia Del Rio do Vale. Petrópolis, RJ: Vozes, 1993.

Esta obra é o resultado da terceira edição, composta de sete capítulos: A psicopedagogia na instituição escolar; uma nova forma de “sentir, pensar e agir” frente aos conteúdos; fundamentospsicopedagógicos da abordagem integrativo-interdisciplinar; a metodologia integrativa: da sensibilização aos conteúdos programáticos escolares; amostra de um projeto psicopedagógico mobilizado pelo tema: as diferentes formas de olhar; a importância dos cadernos construtivistas; novas propostas futuras, com subdivisões e anexo, no total de 93 páginas.

A obra traz o conceito de psicopedagogia, comotambém, seu objeto de estudos e teorias que embasam o trabalho psicopedagógico. Define que a forma de abordar o objeto de estudo pode assumir características específicas, a depender da modalidade: terapêutica e preventiva. Valoriza o construtivismo, assim como, a importância do trabalho em grupo, enfatizado por Pichon Rivière. Traz amostra de projetos contendo ilustrações, bem como, textosinformativos para reflexões sócio-culturais.

As autoras enfatizam que a psicopedagogia surgiu como uma necessidade de compreender os problemas de aprendizagem, refletindo sobre as questões relacionadas ao desenvolvimento cognitivo, psicomotor e afetivo, implícitas nas situações de aprendizagem. Desta forma, ampliou as abordagens e atuação sobre diagnóstico e interferências na aprendizagem à luz dodesenvolvimento da criança.

Definem a importância da psicopedagogia curativa e da psicopedagogia preventiva: a primeira reintegra o processo de construção de conhecimento da criança ou jovem que apresenta problemas de aprendizagem, a segunda reflete e desenvolve projetos pedagógico-educacionais. Em nível preventivo para aperfeiçoamento das construções pedagógicas, podem-se destacar diferentesformas de intervenção da psicopedagogia: releitura e elaboração no desenvolvimento das programações curriculares, análise mais detalhada dos conceitos e criação de materiais, textos e livros para o uso do próprio aluno, desenvolvendo seu raciocínio, construindo conhecimento, integrando afeto e cognição no diálogo com as informações.

Valorizam o construtivismo como forma de construção do pensamento,o qual valoriza no aprendiz o ser ativo que usa as operações do pensamento e a criatividade no contato com as informações: relativação, no ato de interpretar, desenvolvendo as diversas formas de olhar o fenômeno, interacionismo, quando afirma que fato ou aluno isolados não expressam o aprender. Aprendizagem é resultado da complementaridade aluno-professor-conteúdo, fato-contexto, eu-mundo.

Asautoras destacam a importância do trabalho em grupo, enfatizado por Pichon Rivière, o qual amplia o projeto no sentido de não se prender a um psicologismo e uma redução da individualidade no “ensinar”. O conceito de aprender, para pichon, implica numa relação dinâmica e dialética do homem no contexto social. Considera o homem como um ser de necessidades que só se satisfaz socialmente. O homem é...
tracking img