Resenha de filme -sons of cuba

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1705 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE DE ARQUITETURA, ARTES E COMUNICAÇÃO- UNESP/ BAURU
CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO: Linguagem, cultura e mídia.
Disciplina: Esporte e Comunicação: O fato esportivo e o trab. dos média
PROF.DR.: José Carlos Marques
Aluna: Aparecida de Lourdes Bernardes da Silva

Analise documentários “SONS OF CUBA”

Ficha técnica
Direção: Andrew Lang
Lançamento: 12 de outubro de 2009
Tempo de duração:88 mim
Países: Reino Unido
Atores: Sem atores famosos

O documentário, “Filhos de Cuba“, fala sobre a Academia de Boxe de Havana, uma escola cubana que seleciona meninos de nove anos e os transforma nos melhores lutadores de boxe do mundo. “Filhos de Cuba” acompanha a história de três jovens durante oito meses de treinamento e estudo, enquanto eles se preparam para o maior evento de suasvidas: o Campeonato Nacional de Boxe Sub-12.
Essa narrativa descreve a jornada desses garotos, para serem os melhores do mundo, assim elevar Cuba ao mais alto degrau do pódio. Para isso o treinador os treina com uma rigorosa disciplina, avaliando a capacidade, a resistência, força, velocidade, flexibilidade e agilidade para que se possam desenvolver de modo satisfatório e competitivo. Um treinamentorígido, para crianças de tão pouca idade.
É retratado de forma bem clara, a submissão a esse treinamento “militar” por questões ideológicas da política cubana, ser os melhores do mundo, o atleta é louvado pelos seus esforços pessoais, garra e resistência física, e não pela gloria do mundo capitalista enriquecer com o esporte. A luta por ser o melhor é uma questão patriota diferenciado dos atletasdo resto do mundo, embora doloroso o treinamento, essas crianças condicionadas a defender seu país desde que “nascem”, desafiando o corpo, superando as expectativas, e recreações infantis.
O esporte representando simbolicamente uma sociedade, um esporte nacional, que brota da própria matéria de uma nação, do seu solo, de seu clima, da sua política, em Cuba lutar, (boxe) é repetir constantementeo sofrimento de um país que procura a igualdade, o socialismo, as duras penas a revolução deixou marcas em seu povo, com a obrigação de mostrar para o mundo que o povo cubano é resistente, rígido, disciplinado e vitorioso.
As crianças cubanas parecem “brigar”, mas não fazem senão aprender a viver em seu país, e para o olho das mães que acompanha os primeiros gestos adultos de seus filhos aindatão pequenos, na batalha do que o desenvolvimento de uma iniciação que se revela por inteiro no gesto, no condicionamento corporal, onde se prepara o espaço para o combate, transformando esse espaço, no objetivo de uma conquista. Neste esporte ágil o pensamento só pode ser o reflexo, esse reflexo é aprendido com outro, amigos, treinador e o oponente. Todos os golpes previsíveis são objetos dotreino. Ser oportunista conduzir, o que está na luta, através dos obstáculos, aprende-se a nocautear. O atleta é visto como herói pela sua resistência, sangue-frio, temeridade e coragem.
O esporte assim como a sociedade reflete as regras fixas, as quais não podem ser contestadas, questionar qualquer tentativa de transformação social, o boxe cubano reflete essa tensão, a agilidade, a concentração, origor, apenas os mais fortes são campeões, as leis de concorrência para participar dessa escola é igual para todos desenvolver se no esporte, mas só os disciplinados que seguem as regras permanecem, vencem.
Assim sendo o esporte cubano pressupõe a companhia e não a solidão, pois seu desenvolvimento está repleto de conteúdos socializantes que possibilita a construção de um bem estar coletivo, e nãosomente individual, retrata uma analise critica sobre a configuração dessa sociedade e de sua cultura. O sacrifício é a alma desse esporte e desse povo.
Para essas crianças assim como para o treinador, essa prática esportista altamente física e rigorosa também é um “brincar” que surge da preocupação pessoal, uma dinâmica comportamental, que é própria do esporte, à brincadeira é uma atividade...
tracking img