Resenha critica do documentario arquitetura da destruição

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2499 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Sarah de Brito Moreira



















Fichamento: Western

Fernando Simão Vugman













Universidade Federal de Juiz de Fora
Instituto de Artes e Design
Disciplina: Historia e Estética do Cinema IKarla Holanda

MASCARELLO, Fernando. História do cinema mundial. – Campinas, SP: Papirus, 2006 P. 159-175.



“O Western é considerado o gênero cinematográgico norte-americano por excelência. Com os primeiros filmes em que aparecem cowboys datando da virada do século XIX para o século XX, o Western inclui-se entre os primeiros gêneros de filmes narrativos da história. Se, ao longo do séculopassado, Hollywood tornou-se a indústria do cinema hegemônico, certamente os índios, bandidos e mocinhos do Velho Oeste deram uma grande contribuição para o sucesso desse cinema entre o público norte-americano e mundial. P. 159

Origen de um nome

“O cowboy tornou-se legitimamente norte-americano quando se transformou em um símbolo legendário e folclórico do oeste selvagem e do período deexpansão das fronteiras internas da nova nação. Vem desse período, a segunda metade do século XIX, a figura que cavalga solitária élas pradarias rumo a alguma pequena cidade de ruas poeirentas e um agitado saloon. Essa figura, que Hollywood imortalizaria como um herói vestindo chapéu de abas largas, um colete folgado, um lenço no pescoço e um revólver alojado num coldre de couro displicentementeafivelado á cintura, teve seu berço em um curto periodo da história dos Estados Unidos.” P. 160

Um universo mitológico


“Assim, tais histórias surgem de eventos reais, mas, no processo de contá-las e recontá-las, vão sendo sintetizadas a ponto de se tornarem convencionais e abstratas, até se transformarem em um conjunto de símbolos, ícones, palavras-chave ou clichês históricos”.P.160-161

“OWestern é herdeiro de uma produção de narrativas mitológias que tem início na segunda metad do século XVII com as narrativas do cativeiro, que contavam as provações enfretadas por mulheres brancas raptadas por índios.”P. 161

“Outro aspecto que surge das narrativas do cativeiro é o de apresentar o indígena e a natureza como obstáculos na construção de uma sociedade superior, calcada nopuritanismo”.P 161


“Sua genealogia inclui a musica folk colonil, as narrativas do cativeiro, os livros de James Fenimore Cooper e os romances populares do século XIX”P 161


“Afinal, uma série de acontecimentos históricos transformou os valores sociais dos EUA, como a Depressão dos anos 1930 e seus bolsões de miséria e migração do campo para as cidades, a SegundaGuerra Mundial e a criação da bomba atômica, a Guerra Fria e o próprio desenvolvimento tecnológico do século XX. Isso exigirá que Western adapte sua mitologia, fundada em valores tradicionais de uma nação norteada pela conquista territorial, para uma era moderna que o próprio gênero, paradoxalmente, antecipa desde sua origem.” P. 162

O Western e sua paisagem


“ O Western projeta um cenáriode recursos naturais infinitos e de paisagens sem limites visíveis, numa opção estética que “naturaliza”( no sentido de Roland Barthes, em que o mito transforma o ideológico em algo aparentemente natural) as políticas oficiais de expansão e conquista territoril e do Destino Manifesto. Apesar da forte ligação com os valores rurais, não são plantações e fazendas a dominar o cenário, mas o MonumentValley, no Arizona e suas enormes formações pedregosas apontando para o céu, cercadas de solo árido e desértico. E é nessas extensas paisagens de pequenas e isoladas comunidades que o embate mitológico entre o civilizado e o selvagem se desenrola”. P. 162-163

As primeiras duas décadas: Pionerismo

“Para muitos, os 12 minutos de O grande roubo do trem (Edwin Porter, 1903) constituem o primeiro...
tracking img