Republica centro-africana

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3592 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

República Centro-Africana

VASCONCELOS, João Carlos.
Introdução

A República Centro-Africana localiza-se aproximadamente no centro geográfico da África, com área territorial de 622.984 km2 que é um pouco maior que o Estado de Minas Gerais no Brasil, faz fronteira com Camarões, Chade, República Democrática do Congo, República do Congo e Sudão. As suasprincipais cidades são Bangui (capital), Berbérati, Bouar, Bambari, Boali e Carnot. Existem 80 grupos étnicos que falam uma língua comum, o sango. (Ministério das Relações Exteriores do Brasil, 2010)
A nação exporta diamantes, madeira, café e algodão, mas a economia está destruída pelos conflitos de diversas naturezas. O país enfrenta difícil situação de isolamento econômico, com deficientesistema de transportes, força de trabalho despreparada e um legado de regimes autoritários, corruptos e ineficientes, sobretudo em termos de implementação de políticas econômicas voltadas ao desenvolvimento. (Ministério das Relações Exteriores do Brasil, 2010)
Sem saída para o mar, a República Centro-Africana ocupa um planalto coberto por savanas entre as bacias do rio Congo do lago Chade. O norte eo leste são semi-desérticos, e o sul concentra a população. O clima é tropical, quente, com invernos secos e verões úmidos. A topografia é formada por vasto planalto e montanhas esparsas nas regiões nordeste e sudoeste. (Almanaque Abril, 2011)
Na zona sul existe áreas florestais que se nutrem das chuvas tropicais com grandes cotas de umidade. Para o norte, onde forma-se parte do Sahel, oclima é um pouco mais seco. A época mais chuvosa do país é de maio a novembro. As condições dão lugar a uma variada gama de espécies animais e vegetais podendo-se encontrar desde oásis de palmeiras onde somente os camelos sobrevivem, até frondosas selvas com animais selvagens. (Almanaque Abril, 2011)
 [pic]
(Internet Nations, 2011)

Histórico
A área original da civilização ancestral daRepública Centro-Africana desmanchou-se com o tráfico de escravos para as Américas. Os dados arqueológicos afirmam que existiram moradores na zona inclusive antes do nascimento do antigo império egípcio. Porém, a sociedade organizada foi-se colapsando gradualmente quando centenas de milhares de pessoas foram sacadas acorrentadas para serem transportadas à América como escravos das colônias européias. Osconquistadores árabes que chegaram do norte completaram o dano. Afirma-se que até o século XIX vinte mil escravos desta parte da Àfrica foram vendidos anualmente no mercado egípcio. (U.S. Department of State, 2011)
No meio deste cenário de devastação chegaram os franceses em 1880. Sem a experiência de exploração da área, o governo francês dividiu a zona em 17 parcelas que cedeu a diversasempresas em troca de 15% dos benefícios econômicos. Pela necessidade da mão de obra barata, estas companhias praticamente confiscaram os povoadores nativos e os obrigaram a trabalhar. Aqueles que abandonavam o trabalho eram assassinados ou torturados. Este tipo de opressão naturalmente propiciou resistência nos povoadores e os africanos fizeram sentir seu desacordo até 1930 quando foram reduzidos pelosmilitares franceses, ao que se somou a fome e as epidemias mortais. (U.S. Department of State, 2011)
Os primeiros sinais de nacionalismo chegaram logo da Segunda Guerra Mundial com o movimento Evolutiom Sociale de l´Afrique Noire a mãos de Barthelemuy Bogana, que morreu misteriosamente em 1959. Foi seguido por David Dacko que se converteu no primeiro presidente com a independência de 1960.Dracko transformou seu governo em um sistema ditatorial que durou até o golpe militar de Jean-Bedel Bokassa em 1966. Durante 13 anos mais se seguiram cruéis anos de opressão. Apesar deste duro regime, França desejava os depósitos de urânio de Bakouma e coordenou ações perto da fronteira com Sudão apoiando o regime de Bokassa. (U.S. Department of State, 2011)
Posteriormente, em 1976,...
tracking img