Resenha

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (631 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Resenha do texto: “Raça e história “ (1952), de Claude Lévi-Strauss.



Em um capítulo do livro de Lévi-Strauss, republicado em 1952 com a autorização da UNESCO teve como motivo principal lutarcontra o racismo. A humanidade se compõe de sociedades e civilizações, as quais tentaram contribuir de certa forma para que se pudesse saber que raça conquistou o que.

Nada pode afirmar que uma raçaé superior a outra e não é certo diferenciar as raças pelo que elas conseguem ou não fazer, pois isto seria uma discriminação. Gobineau, o pai das teorias racistas não aceitava a desigualdade dasraças humanas. Ele dizia que cada raça tem uma maneira diferente para se conquistar o necessário, mas que não poderiam se misturar, para que não houvesse mestiçagem. Para Gobineau a humanidade estavacondenada a mestiçagem.

Como explicar que os homens de raça branca tenham feitos imensos progressos em relação ao de raça negra? Acredita-se que isso vem de há muito tempo, os negros tinham uma vidaestabilizada quando eram escravos, mas quando foram libertos não sabiam mais o que fazer. Ao mesmo tempo os homens brancos continuaram com suas rotinas, pois não haviam sido afetados, conquistando osseus bens. Segundo pesquisas e como foi mencionado no texto, existem mais culturas do que raças. As culturas estão ligadas ao espaço geográfico onde cada raça ocupa e as diversidades de culturas podemtrazer problemas, como preconceitos racistas.

Há grandes dificuldades quando falamos em diversidade de culturas, pois existem diversas e muito distintas umas das outras. As culturas são diferentes,mas isso não quer dizer que erradas, são apenas diferentes. Para que houvessem culturas tao diferentes, seria necessário que elas estivessem literalmente isoladas umas das outras. Muitos costumessurgem pelo fato de não quererem ser inferiores aos seus vizinhos.

Todas as culturas tiveram progressos. Não há como encontrar “povos primitivos” na expressão ocidental do termo. Não existem povos...
tracking img