Reportagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1150 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Verdadeiro Gol de Placa
Jovens do Jóquei Clube querem mudar realidade da comunidade
em que vivem através do futebol.



Não é preciso muito esforço pra ver uma bola rolando. Final de tarde, de semana, o principal objeto do futebol é conduzido pelos pés de seus admiradores em todos os dias e a qualquer hora. Tudo vira desculpa pra “bater uma bolinha”. E nem precisa ser bola de couro com amarca de uma empresa de esportes estampada, dá pra improvisar - quem nunca fez ou viu uma bola de papel enrolada por uma sacola que atire a primeira bola. Seja no gramado, na quadra, na areia batida dos campos de várzeas e no asfalto da rua, a bola rola. O futebol não é nosso, mas, menino brasileiro aprendeu a falar futebolês. Tanto aprendeu que quer ensinar, e mudar a sua comunidade através dofutebol.


Quatro garotos, uma vontade e o futebol.

Ismael Bizerra (18), Jailton Sales (18), Luis Henriquede Araujo (17) e Leonardo Feitosa (18), quatro jovens moradores do bairro Jóquei Clube, em Fortaleza, conheceram-se na Escola de Ensino médio e Profissionalizante Antonieta Siqueira. Eles faziam parte de um projeto sócio-profissional do Governo do Estado do Ceará, promovido pela Secretariade Educação do Estado do Ceará (SEDUC) em parceria com as escolas públicas da rede estadual de ensino. Quando, no ano passado, em meio às aulas do projeto, surgiu a ideia de criar um projeto social que tivesse impacto na comunidade.

Jailton Sales conta que eles formaram uma equipe e tentaram achar algo que os quatro gostassem de fazer: “A gente escolheu fazer algo com futebol. A ideia partiudo Luis Henrique junto com o Leonardo. E é o que todos gostamos”. Do gosto comum pelo futebol, surgiu o projeto Futsal Interativo. “Saímos pelas ruas do bairro chamando os garotos. Eles gostam de jogar bola. É só chamar que eles vêm.” Ele, quando criança,foi atendido por um projeto social de uma escolhinha de futebol, e considera que o esporte é uma oportunidade para melhorar a condição de vida.“O projeto que eu participei foi muito importante pra mim. E eu quero ensinar a essas crianças que quando alguém te dáoportunidade você pode se tornar alguém melhor no futuro. Ou um atleta, ou um cidadão bem sucedido.”, diz Jailton.

Dos quatro, o único que não trabalha é Leonardo Feitosa. Luis Henrique acaba de conseguir um emprego na Faculdade Gama Filho como auxiliar administrativo, ele desejacursar medicina.
Todos os quatro planejam cursar o ensino superior e dizem que vão estudar muito para conseguir.





(Em pé à esquerda Luis Henrique e Leonardo; em pé à direita Ismael e Jailton.)



Faltam áreas de lazer e incentivo

Próxima à escola Antonieta Siqueira existe apenas uma praça como área de lazer, que atende aos bairros Jóquei Clube e Pici.Nela, uma quadra. Falta deáreas de lazer no bairro foi a principal motivação na hora da criação do projeto. Os quatro me contam que antes a comunidade utilizava um terreno da Universidade Federal do Ceará como campo de futebol, mas depois ocorreu uma invasão no terreno e a Universidade não permitiu mais que a comunidade utilizasse o espaço. “Dava pra jogar bola ali.Agora tem só a pracinha”, conta Ismael.

Jailton diz que opropósito não é tirar os meninos da rua – a rua não é a vilã da história, e, sim, a falta do que fazer na rua é que se torna um perigo. Mais que entreter crianças em torno da bola, o objetivo do projeto é educar.O projeto Futsal Interativo funciona como uma escolinha de futebol.

Enquanto a criançada esperava ansiosapra correr de um lado pro outro disputando quem iria fazer o gol [senti aausência de meninas no projeto], Luis Henrique me conta quais foram os primeiros passos para dar o pontapé inicial:
— A gente não tinha recursos. Fomos buscar parceiros. Assim, foi difícil.
— E quais foram as dificuldades? — pergunto.
— Quando você recebe o primeiro ‘não’, você fica balançado, mas aí, depois surgiram as pessoas querendo ajudar.
Henrique conta que procurou a Secretaria de...
tracking img