Religiosidade nacional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 31 (7641 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1

Informativo da ASSINTEC n° 22
Subsídios para o Ensino Religioso
Agosto/setembro de 2007 - Equipe Pedagógica da ASSINTEC: Borres Guilouski, Diná Raquel D. da Costa e Emerli Schlögl – Presidente: Pe. Carlos Alberto Chiquim – Secretário: Dr. Sylvio F. Gil Filho Rua Máximo João Kopp 274 - Bloco 4 - CEP: 82.630-000 – Santa Cândida – Curitiba PR - Fone: 0 XX 41 3351 6642 - E-mail:assintecpr@yahoo.com.br

Foto 1

Foto 2

O SAGRADO NA ARQUITETURA RELIGIOSA
O conhecimento do significado da arquitetura religiosa das diferentes tradições religiosas e místico-filosóficas é um conteúdo do Ensino Religioso que permite compreender as manifestações do sagrado por meio desta fascinante arte, presente nas diferentes culturas. Foto 1: Casa de Adoração da Fé Bahá’í em forma de flor de lótus nacidade de Nova Delhi, Índia. Esse templo simboliza a unidade de Deus e da humanidade. A arquitetura em forma de flor de lótus simboliza também a sabedoria e a elevação espiritual que todo ser humano deve buscar atingir em sua vida (www,upload.wikemedia.org/wikimedia/commons/thumb/...). Foto 2: “Cúpulas estreladas” de um templo ortodoxo na Rússia, estilo bizantino. As três abóbadas representam aTrindade: Pai, Filho e Espírito Santo, crença compartilhada por diversas igrejas cristãs -(www.zonalibre.org).
Equipe pedagógica da ASSINTEC

NESTA EDIÇÃO
IV CONGRESSO DE ENSINO RELIGIOSO EM CURITIBA O SIGNIFICADO DA ARQUITETURA SAGRADA UMA EXPERIÊNCIA NA PRÁTICA DO ENSINO RELIGIOSO SUGESTÕES DE TEXTOS E ATIVIDADES PARA O ENSINO RELIGIOSO 34 ANOS DE ATUAÇÃO DA ASSINTEC

2

IV CONGRESSONACIONAL DE ENSINO RELIGIOSO – CONERE
Diversidade e Ensino Religioso: dez anos da nova redação do artigo 33/ LDB (9475/97)
Diante dos desafios provocados pelas mudanças culturais da pós-modernidade e hipermodernidade, o sentido religioso toma caráter cada vez mais privativo. O Brasil, no embalo da globalização, vive a onda do pluralismo religioso. O advento de tal novidade necessita de reflexãomais apurada e precisa. Os Congressos Nacionais de Ensino Religioso nasceram para promover o encontro de professores e pesquisadores na tentativa de busca de respostas. O Paraná sediará, em outubro do presente ano, o IV Congresso. Os demais aconteceram no Espírito Santo, Rio Grande do Sul e, em 2005, em Santa Catarina, celebrando os dez anos da criação do FONAPER (Fórum Nacional Permanente do EnsinoReligioso). O Ensino Religioso no Brasil apresenta cenários bem diversificados. Estamos vivenciando os dez anos da nova redação do artigo 33 da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. A partir de 1997 ficou estabelecido que cada unidade da Federação assumiria a responsabilidade de normatizar a oferta do Ensino Religioso nas escolas públicas. Desta forma, encontramos situaçõesdiversificadas para a compreensão dos aspectos divergentes e convergentes que explicitam a sua identidade enquanto área de conhecimento, nos aspectos estruturais, funcionais e curriculares, na formação de professores(as) e da entidade civil mencionada no artigo 33. Neste percurso, passamos a integrar a discussão do Ensino Religioso como disciplina do currículo, inserida numa discussão mais ampla: o dasculturas, quando se propõe que as crianças e adolescentes, ao longo do Ensino Fundamental busquem conhecer, compreender e vivenciar os diferentes direitos dos cidadãos, tais como o direito à liberdade e, como corolário, o direito à livre opção de participação em um grupo religioso ou não. Nesta perspectiva, o Ensino Religioso como disciplina, visa a discutir – entre outras temáticas pertinentes aocotidiano escolar – a liberdade de expressão religiosa que todo cidadão possui, viabilizando a prática da “Declaração Universal sobre a Diversidade Cultural”. A diversidade cultural é uma das categorias do “patrimônio comum da humanidade”, tão necessária para o gênero humano, como o é a diversidade biológica para os organismos vivos, exigindo, portanto, sua defesa de imperativo ético indissociável do...
tracking img