Relatorio de dureza superficial e controle do concreto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1669 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
reza

SUMÁRIO

2º ENSAIO DETERMINÇÃO DA DUREZA SUPERFICIAL DO CONCRETO ENDURECIDO PELO ESCLERÔMETRO DE REFLEXÃO

4.0 INTRODUÇÃO
4.2 OBJETIVO
4.3 JUSTIFICATIVA
5.0 METODOLOGIA
5.1 EQUIPAMENTOS UTILIZADOS
5.2 PROCEDIMENTOS UTILIZADOS
6.0 REFFERENCIAL TEORICO
6.1 OBSERVAÇÕES
7.0 CALCULOS
7.1.1. CALCULOS DA 1º DETERMINAÇÃO
7.1.2 CALCULOS DA 2º DETERMINAÇÃO
8.0 RESULTADOSOBTIDOS
9.0 CONCLUSÃO
10. BIBLIOGRAFIA
2º ENSAIO DETERMINÇÃO DA DUREZA SUPERFICIAL DO CONCRETO ENDURECIDO PELO ESCLERÔMETRO DE REFLEXÃO












4. INTRODUÇÃO
O concreto tradicional, utilizados na construções comuns, é composto,basicamente, por um aglomerante(o cimento), um agregado graúdo(seixo o pedra britada), um agregado miúdo(areia) e água. Damistura desses quatro componentes resulta um composto pastoso, nesta fase, chamado de concreto fresco. Pelasreações químicas desse composto, imiciadas no contato da água com o cimento, o concreto fresco vai ganhando consistência, período denominado de “pega”.
À medida que as reações de hidratação do cimento se desenvolvem, o concreto vai ganhando rigidez e se transformando em ummaterial sólido. É nesse estado que é possivel avaliar a sua propiedade mais importante: a resistência à compressão. É a avaliação dessa propiedade, utilizando um equipamento denominado martelo de Schimidt(Esclerômetro), o objetivo do ensaio escclerométrico. E é este ensaio o alvo deste relatorio, para determinar a dureza superficial do concreto endurecido pelo esclerômetro de reflexão.O Ensaio esclerométrico permite estimar a resistência do concreto pela medida da dureza de sua superficie. Essa medida é feita sem provocar redução da capacidade resistente dda peça ensaiada e sem provocar dano superficial relevante, por isso esse ensaio tembém e tratado como sendo um ensaio não destrutivo.

4.2 OBJETIVO
Este ensaio tem o objetivo de determinar a dureza superficial doconcreto endurecido pelo esclerômetro de reflexão, fundamentado na (NBR7584/1995), Com a utilização desse método, pode-se comparar a qualidade do concreto em diferentes áreas da estrutura sem necessidade de danificar o concreto. Objetivando determinar a dureza superficial do concreto sem provocar danos estruturais.

4.3 JUSTIFICATIVA
E de fundamental importância a realizaçãodeste ensaio, pois determina a dureza superficial do concreto endurecida pelo esclerômetro de reflexão e classificam como aqueles que não causam danos à estrutura que se está ensaiando (não provocam perda na capacidade de carga), E podem ser empregados em qualquer idade do elemento a ser ensaiado, Visam avaliar a integridade e capacidade resistente da estrutura.
Para a avaliação da resitência doconcreto, o método mais comumente aceito e o de extração de testemunhos, o qual consiste na perfuração de um elemento estrutural e extração de um cilindro de concreto que será ensaiado à compressão. Esse método possui o inconveniente de reduzir a capacidade resistente do elemento estrutural, e por isso, é muitas vezes evitado. Os Ensaios Não destrutivos justamente tem a vantagem de não produzirdano estrutural, e por iisso quye têm uma tendência de aceitabilidade cada vez maior na engenharia, e suas aplicações, portanto, merecem estudos mais aprofundados. O Ensaio Esclerométrico é um Ensaio Não Destrutivo bastante difundido e possui muitas vantagens em relação a outros ensaios, no entanto, sua aplicação em concretos de obras parece carecer de informações técnicas. Também outrosdetalhes do ensaio possuem poucos estudos divulgados, como a influência da armadura e do material das fôrmas do Ídice Esclerométrico, fazendo jus a uma pesquisa científica.

5.0 METODOLOGIA

5.1 EQUIPAMENTOS UTILIZADOS
Os equipamentos utilizados neste ensaio de Determinação da composição granulométrica do agregado miúdo, foram os seguintes:
* -Peça a ser analizada (ensaiada);
*...
tracking img