Reforma protestante

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1136 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução

O mundo de hoje não é como é por acaso, é um resultado de fatos e pensamentos desde o início do mundo. Porém muito do que pensamos e fazemos hoje tem influência de um movimento específico que foi chamado Reforma Protestante.

Em várias áreas, como política, ética e religiosa, houve influência desse movimento.
Mas como isso aconteceu? Como pôde um movimento causartanta influência e tanta alteração no modo de pensar, na história atual? A religião influenciou e influencia tanto a vida da sociedade?
Essas são hipóteses e perguntas a serem pesquisadas e respondidas nesse trabalho.



1.Contexto Histórico

A idade média, também chamada de idade das trevas, foi um período em que a igreja católica tinha o monopólio de tudo, desde conhecimento atépoder e dinheiro. Contudo fugia de seu objetivo como igreja, o de estar debaixo do evangelho, usando este como comércio, chegando até à venda de indulgências (‘passagens’ para o céu).
Vários pequenos movimentos aconteceram contra posicionamentos e pensamentos da igreja, dentre eles o dos Valdenses (liderado por Pedro Valdo) e dos Hussitas (liderado por Jan Hus).
Porém, no dia 31 deOutubro de 1517, ocorreu um fato que marcou a história, a fixação de 95 teses contra a igreja escritas por Martinho Lutero. Esse ato foi considerado o marco inicial da chamada Reforma Protestante, que transformou muito o modo da vida na sociedade. Foi o principal movimento contra a igreja católica, um movimento que buscava a reforma de um pensamento pagão e avarento da igreja até então.
Lutero eramonge da própria igreja católica, por isso tinha acesso aos materiais da igreja, a estudo de outras línguas (como grego e hebraico) e acesso à Bíblia, o que a minoria da sociedade tinha, apenas pessoas da nobreza (que podiam comprar cargos sacerdotais) e da própria igreja.
A Reforma Protestante teve apoio de vários religiosos e governantes europeus, muito por causa da visão luterana e poucodepois calvinista da autorização do lucro, proibido até então pelo catolicismo. Por isso essa revolução religiosa se espalhou rapidamente pela Europa, indo pela Suíça, França, Reino Unido, Escandilavia, Países Baixos, Países Bálticos e Hungria.
Excomungado pela igreja, Lutero foi exilado no Castelo de Wartburg. Durante o período de cerca de um ano que passou lá, trabalhou na tradução da Bíbliapara o Alemão.
Várias reuniões e congressos aconteceram depois do ocorrido, delas saíram documentos, como credos e confissões, que embasaram o Protestantismo.
Como um movimento religioso, a Reforma causou grandes mudanças, porém não só nesse âmbito, o mundo em que vivemos é resultado dessa revolução que atingiu também as áreas da política, economia, ética, sociologia, dentre outras.2.A Reforma nos tempos de hoje
Lutero não iniciou apenas um movimento religioso, mas uma transformação social gigantesca. A permissão do lucro embasada pela religião permitiu aos países que aderiram o protestantismo como religião oficial, um crescimento econômico muito grande, deu-se início ao capitalismo. Atualmente os países são os que têm base protestante como religião, EstadosUnidos da América é o exemplo maior e mais claro disso.
Além do setor econômico a área intelectual foi modificada. Lutero, ao publicar as 95 teses, fez algo parecido com o que havia sido feito por Platão, na Grécia Antiga, o questionamento da validade das leis.


“Sócrates(...)foi condenado a beber veneno. Mas por quê? A acusação era de que ele seduzia a juventude, não honravaos deuses da cidade e desprezava as leis da polis (cidade-estado). Depois de dois milênios, ainda não sabemos se sua condenação foi justa. Pois Sócrates obedecia ás leis, mas as questionava em seus diálogos, procurando fundamentar racionalmente a sua validade. Ele ousava, portanto, perguntar se estas leis eram justas. E mesmo que chegasse a uma conclusão positiva, o conservadorismo grego não...
tracking img