Rdc - congo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4607 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A história do Congo

O Congo foi descoberto em 1482, pelo navegador português Diego Cão, através de navegações pelo rio Zaire.
Porém, grandes explorações foram iniciadas cerca de um século após o seu descobrimento pelo escritor e jornalista Henry Morton que durante sua viagem até a África à procura do amigo e explorador David Livingstone, iniciou o seu trabalho no Congo, comprojetos de colonização e exploração na região.
Após a conferência Internacional de Bruxelas, em 1876 o Rei Leopoldo II, da Bélgica, propõe a Henry Morton a abertura do país ao Ocidente para a exploração de suas riquezas, ajuda humanitária, filantrópicas, tratados comercias, mas claro sem que as autoridades locais tivessem conhecimento que sua verdadeira intenção era a implantação da soberania enão da amizade.
O Rei Leopoldo II foi sucessor do Leopoldo I, seu pai. Desde que tomou o poder no Congo, o tratou como sua propriedade se referindo a ele inclusive como Congo Belga. Suas ambições eram tamanhas que implantou regimes de explorações brutais como veremos mais adiante com a ressalva que o faria para se recuperar o tempo perdido da primeira década de experiência.
As maioresriquezas locais eram os recurso minerais (urânio, cobre, bauxita, prata, platina, chumbo, zinco, carvão e petróleo), que forneceram a seus colonizadores, mais do que anos de explorações. Juntamente com essas riquezas, a imposição colonial fez desenvolver a produção de cacau, ervas para o consumo de chá, borracha, óleos e cereais, com destaque para o algodão que cresceu rapidamente. O consumo internodesenvolveu a agricultura de subsistência para a alimentação básica dos congoleses com raízes como a mandioca, alimentos como o milho, o amendoim e a banana.
Desse período de escravização, podemos destacar dois fatos: O Portage e a colheita de borracha, que foram os pontos nevrálgicos dessa exploração. Começando pelo Portage: Foi uma forma desumana de exploração onde os nativos eram obrigados atransportar cargas em curtas ou longas distancias, sobre a ameaça da cobrança de impostos, impostas pelo Rei Leopoldo II, as cobranças se faziam através da prisão, pagamento de multa e sobre a mira de armas.
Para fácil entendimento, o Portage é basicamente transportar a carga pelo dorso do corpo sem auxilio de roda ou animais de carga. E sem comida, abrigo ou qualquer tipo de decência dessascondições de trabalho a fuga era a alternativa que restava.
Já que o Rei da Bélgica, já havia se auto declarado proprietário das terras congolesas, toda a plantação de borracha e a extração de marfim eram consideradas por direito dele. Logo, o minerador daquela região era submetido a trabalhar em troca de sua liberdade ou pela metade do valor real da borracha. Para vigiar o trabalho praticamenteescravo, os agentes do Estado foram incumbidos de cobrar produção e levar bons resultados ao Rei Belga, assim como forma de incentivo para esses agentes a possibilidade de crescimento na carreira acendeu a idéia de enriquecer.
E as maneiras com que os resultados eram cobrados, eram das mais absurdas e variadas possíveis. Desde o uso do chicote até fazer reféns os familiares dos fugitivosdaquela região. As punições para os que não obtinham o resultado esperado na colheita foi um verdadeiro genocídio, mutilações, enforcamentos, fuzilamentos e a conseqüência disso foi a queda demográfica do país.


O inicio da Independência


“O pensamento e o comportamento das massas são maleáveis e podem ser refundidos a vontade por uma elite benevolente, sabia e perfeitamentepreparada; o interesse primordial da massa é o bem estar material e os bens de consumo – o futebol e a bicicleta – e não a liberdade” (Hodhkin, Thomas. Nacionalism in Colonial África. Londres: Frederic Muller, 1956, ap. Jules, 1975:13)
Seguindo esse pensamento que após 23 anos de colonização o Rei Leopoldo II, renomeou o Estado Independente do Congo, para Congo Belga. Na verdade essa mudança foi uma...
tracking img