Quimica e esporte

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 31 (7726 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Química e Energia: Transformando Moléculas em Desenvolvimento | ii

Coleção Química no Cotidiano Volume 3

A Química e o Controle de Dopagem no Esporte
Henrique Marcelo G. Pereira Monica C. Padilha Francisco Radler de Aquino Neto

São Paulo | Sociedade Brasileira de Química | 2010
Química no Cotidiano | iii

© Sociedade Brasileira de Química

Projeto Comemorativo da SociedadeBrasileira de Química Ano Internacional da Química-2011 (AIQ-2011) Coordenadores do projeto Claudia Moraes de Rezende e Rodrigo Octavio Mendonça Alves de Souza Editora-chefe Claudia Moraes de Rezende Revisores
Claudia Moraes de Rezende, Rodrigo Octavio Mendonça Alves de Souza e Joana Moraes de Rezende

Arte gráfica e editoração Cabeça de Papel Projetos e Design LTDA (www.cabecadepapel.com)Ilustrações Henrique Persechini (henriquepersechini@gmail.com)
Ficha Catalográfica Wanda Coelho e Silva (CRB/7 46) e Sandra Beatriz Goulart da Silveira (CRB/7 4168) Universidade do Estado do Rio de Janeiro

P436q

Pereira, Henrique Marcelo G. A química e o controle de dopagem no esporte. / Henrique Marcelo G. Pereira, Monica C. Padilha, Francisco Radler de Aquino Neto. – São Paulo: Sociedade Brasileirade Química, 2010. 54p. il. - (Coleção Química no cotidiano, v. 3) ISBN 978-85-64099-03-6 1. Química. 2. Controle de dopagem. 3. Esporte. I. Padilha, Monica C. II. Aquino Neto, Francisco Radler de. III. Título. IV. Série. CDD 615.739 CDU 615.9 796:615.9

Todos os direitos reservados – É proibida a reprodução total ou parcial, de qualquer forma ou por outro meio. A violação dos direitos de autor(Lei nº 5.988/73) é crime estabelecido pelo artigo 184 do Código Penal. Química e Energia: Transformando Moléculas em Desenvolvimento | iv

Agradecimentos

Os autores gostariam de agradecer ao Instituto de Química da UFRJ pela colaboração permanente ao longo dos últimos 20 anos. Ao CNPq, FAPERJ, FINEP e ao Ministério dos Esportes pelos apoios e fomentos recebidos. As Confederações e Federaçõesesportivas, em especial a Confederação Brasileira de Futebol, pela parceria na consolidação do controle de dopagem no Brasil. E finalmente aos colegas de laboratório, pelo

compartilhamento de experiências sempre edificantes.

Química no Cotidiano | v

A Química e o Controle de Dopagem no Esporte | vi

Apresentação

A cada ano aparecem novas substâncias e algumas delas um dia poderãoser usadas como medicamentos ou suplementos nutricionais. Na pesquisa de uma melhoria no desempenho atlético, alguns esportistas não têm dúvidas em abusar dessas novas substâncias, muitas das quais não têm a sua toxicidade em humanos demonstradas. Na luta por um esporte livre de substâncias dopantes e em prol da proteção da saúde dos esportistas e da juventude, as análises antidopagemdemonstraram, ao longo dos anos, a sua eficácia na deteção destas substâncias nas amostras dos atletas e pelo seu efeito dissuasivo. Os autores, membros do Laboratório Antidoping do Rio de Janeiro (LAB DOP) situado no Instituto de Química (IQ) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), fazem nesta obra uma minuciosa revisão dos efeitos farmacológicos dos agentes dopantes passados, presentes e futuros ede como realizar a sua deteção seguindo os maiores critérios de qualidade internacionais.

Dr. Xavier de la Torre Vice-Diretor Científico Laboratório Antidoping FMSI Roma- Itália
Química no Cotidiano | vii

A Química e o Controle de Dopagem no Esporte | viii

Sobre os autores

Henrique Marcelo Gualberto Pereira
Doutorado em Química Orgânica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro(2004). Atualmente é Professor Adjunto do Instituto de Química - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Tem experiência na área de Química Analítica e Toxicologia Analítica, com ênfase em Controle de Dopagem, atuando principalmente nos seguintes temas: Dopagem, Cromatografia Gasosa, Cromatografia Líquida, Análise de resíduos em matrizes biológicas e Espectrometria de Massas. Desde 2007 atua...
tracking img