Questione

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (449 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Política: Ciência e/ou religião

Muitas pessoas criticam os políticos evangélicos alegando que eles iriam “misturar religião e política” de modo que ameaçasse a separação da Igreja e Estado. Mas,não podemos seguir com esse “laicismo militante” que tem como objetivo excluir deus(es) e a religião. Pois uma pessoa pode se inspirar pelos princípios cristãos para aprimorar a política, tornando-amais “familiar”, tratando uns aos outros como irmãos. Mas, é certo impor sua religião na política num país de estado laico?
Um dos problemas dos candidatos evangélicos é que eles costumam nãorepresentar a filosofia cristã, mas representar a Igreja enquanto Instituição, e muitas vezes partem a defender somente os interesses institucionais, o que torna-se um grave erro, pois a igreja como instituiçãonão pode exercer política desta maneira, pois tornaria ela, líderes e seguidores vulneráveis a todas a contingências do mundo político, e logo deixaria sua característica social. Afinal, a religiãopromove ações sociais que abriga, alimenta, e que motiva pessoas necessitadas, e contribui ativamente para o desenvolvimento econômico. Embora em algumas passagens escritas na Bíblia possam conter“filosofias” preconceituosas e machistas.
Mas considerando Brasil um país laico, é necessário que o estado seja neutro, e ser neutro nestas condições significa que devemos ser receptíveis as críticas e asmudanças, e até o momento o que temos de mais neutro é a ciência, que continuamente está sendo modificada. E somente um estado laico, pode garantir a liberdade de religião, embora muitas vezes opróprio estado influenciar a sociedade a um suposto cristianismo, quando percebemos que no STF (Supremo Tribunal Federal) contem um símbolo religioso exposto, um crucifixo, em algumas escolas/universidadespodemos perceber a presença de santos, e nas notas de reais a frase “Deus seja louvado”, se somos um pais laico, porque não poderíamos colocar “Oxalá seja louvado” para as pessoas do cadomblé,...
tracking img