Qual a necessidade do professor em conhecer o transtorno de déficit de atençao e hiperatividade (tdah) nas escolas .

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1280 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CLAUDIO VIERIRA

QUAL A NECESSIDADE DO PROFESSOR EM CONHECER O TRANSTORNO DE DÉFICIT DE ATENÇAO E HIPERATIVIDADE (TDAH) NAS ESCOLAS .

TOLEDO
2012

INTRODUÇÃO

O referente projeto de pesquisa sobre a necessidade do professor em conhecer o transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) nas escolas, é informar o que é a hiperatividade, suas causas e tratamento e como tratar isso nocotidiano escolar. Visando contribuir para a qualidade do ensino na formação dos alunos para que tenham compromisso com uma atuação voltada para a melhoria do ensino aprendizagem, necessária para a transformação social, no sentido de ampliar o conhecimento sobre o transtorno de déficit de atenção e hiperatividade, nas escolas regulares de ensino. O objetivo é mostrar que a criança com TDAH, em sala deaula, exige atenção por parte do professor e é necessário que este esteja preparado para saber contornar e posicionar o aluno em sala de aula e é de grande importância a cumplicidade da escola com a família para juntos ajudarem a criança.



Justificativa

A presente pesquisa justifica-se pelas observações feitas, no dia a dia, na Escola, constatamos que é necessário termos conhecimento dotranstorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH), pois crianças com falta de atenção apresentam grande dificuldade de organização em todos os setores de sua vida apresentando problemas de relacionamento interpessoal, falta de inibição, dificuldade de controlar seus impulsos e a regular seu próprio comportamento. Sendo assim apresentam uma incapacidade em seu desenvolvimento conhecido comotranstorno de déficit de atenção hiperatividade (TDAH). Sendo assim é importante conhecer e entender o comportamento dessas crianças pois é fundamental para que ocorram mudanças e redirecionamento de vida.

Objetivo Geral

Analisar a importância de o professor conhecer o Transtorno de déficit de Atenção e Hiperatividade (TDHA) nas escolas.


Objetivos Específicos

- Identificar causas dahiperatividade;
- Identificar os fatores que possam melhorar com o auxílio do professor;
- Demonstrar as características desse diagnóstico e seu tratamento;
- Demonstrar a importância da interação da família com a criança com TDHA;

Problema

Qual a necessidade do professor em conhecer o Transtorno de Déficit de atenção e Hiperatividade (TDAH) nas escolas.

Hipótese

- Nas escolas aparecem alunos com falta deatenção apresentam grande dificuldade de organização em todos os setores de sua vida apresentando problemas de relacionamento interpessoal e muitas vezes o professor não sabe o que fazer, conhecendo melhor o TDAH o professor pode elaborar melhor um acompanhamento dos alunos e país.

- O professor deve conhecer e entender o comportamento dessas crianças pois é fundamental para que ocorrammudanças e redirecionamento de vida.

Revisão da Literatura

O termo hiperatividade refere-se a um dos distúrbios de comportamento mais freqüentes na idade escolar caracterizado por um nível de atividade motora excessiva e crônica, déficit de atenção e falta de auto-controle.

De acordo com Goldstein (1996), em diversos momentos do século XX, tem-se referido a tais crianças como acometidas deinquietação, falha de controle moral, disfunção cerebral mínima, distúrbio pós-cefálico, reação hipercinético da infância, distúrbio de falta de atenção e distúrbio de atenção por hiperatividade, e mesmo que os rótulos tenham mudado o mesmo não acontece com o problema o qual permanece ao longo dos anos.
Mesmo tendo sido conhecido desde o último século, e sido estudado exaustivamente, ainda hoje não se conhecemas causas concretas que ocasionam esse problema. Acredita-se que a causa mais provável é a hereditariedade e que a doença atinge mais meninos que meninas. Não tem cura, mas pode ser controlada desde a infância, e o problema atenua-se na adolescência, e quando isso não acontece esses indivíduos tornam-se, adultos instáveis e depressivos com tendência a marginalidade.

Conforme Borges (1997),...
tracking img