Psicologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4204 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Aplicada na Adminsitração
[pic]





Psicologia na Administração







André F. Campos











Belo Horizonte 2011



André F. Campos











Pesquisa apresentada a disciplina de Psicologia do curso de Administração da FaculdadePitágoras, como trabalho científico .


Orientadora: Cristiane










Belo Horizonte 2011








Sumário



1.Introdução 4



2. APLICAÇÕES DA PSICOLOGIA NA ADMINISTRAÇÃO 5


3.USO DA PSICOLOGIA NA ADMINISTRAÇÃO.......................................................6


4. PROBLEMA DE PESQUISA E OBJETIVO............................................................7

5. BREVE FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA ................................................................9

6. CONSIDERAÇÕES FINAIS..................................................................................16

7. BIBLIOGRAFIA......................................................................................................171. INTRODUÇÃO


Nos últimos anos, observa-se uma intensificação do movimento cooperativista no Brasil, configurando-se como uma tendência irreversível. Este movimento ganha força devido às transformações ocorridas na estrutura do mercado e nas próprias relações de trabalho, decorrentes principalmente do processo de abertura econômica e dereestruturação produtiva verificado no Brasil a partir dos anos 90.
Mais do que nunca, as organizações sentem a necessidade de encontrar novas formas de funcionamento, visando a melhoria da qualidade, produtividade e satisfação. O desempenho de uma organização está intimamente relacionado às formas de interação daqueles que a compõem, conforme apontam diversos estudos de campo. Se, por um lado, a maioria donsespecialistas aponta que o futuro pertence a organizações baseadas em equipes, por outro, constata-se que é raro encontrar grupos de trabalho funcionando verdadeiramente como uma equipe.
Em face desse cenário os trabalhadores buscam formas alternativas de organização como meio de reinserção no mercado de trabalho, levando à formação de organizações coletivas ou comunitárias – as cooperativas –em defesa dos indivíduos enquanto cidadãos e trabalhadores. O cooperativismo, além de representar um instrumento de reinserção no mercado de trabalho, apresenta-se como uma oportunidade de inclusão social e desenvolvimento humano.
Para se entender a real importância das organizações cooperativas deve-se tomar por base seus princípios doutrinários e associativos, que estimulam a democracia e ocomprometimento pessoal uma vez que, ao aderir ao sistema cooperativo os associados tornam-se responsáveis diretos pelos processos decisórios da organização.
Diferencia-se dos demais tipos de sociedades por ser, ao mesmo tempo, uma associação de pessoas e também um negócio. Dessa forma, esta propriedade de articular dentro de uma mesma organização essas duas dimensões, confere às cooperativas seucaráter peculiar.
A intensidade da ação social desses grupos, assim como a importância dos papéis que assume na sociedade contemporânea, exige uma reflexão mais profunda sobre suas formas de ação coletiva, em especial dos atores que fazem parte deste movimento. Por isso a importância de um estudo que aborde o aspecto interno de uma sociedade cooperativa tentando compreender como se dá o processode funcionamento do grupo de trabalho.
O estudo do comportamento dos grupos de trabalho é um tema relevante para todo tipo de empreendimento que envolve pessoas. Na sociedade cooperativa merece especial atenção devido ao contexto em que estão inseridas, aos princípios e doutrinas que constituem sua formação e a especificidade de sua organização.
O cooperativismo, que por um lado, reproduz a...
tracking img