Processos automobilistico

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3246 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CENTRO UNIVERSITÁRIO ANHANGUERA DE SANTO ANDRÉ
FACULDADE DE ENGENHARIA

T2 - CICLO DE VIDA DE UM PRODUTO - GOL VW: UMA ANÁLISE DAS UNIDADES VENDIDAS NO MERCADO BRASILEIRO ENTRE OS ANOS 1987 E 2010

SANTO ANDRÉ - SP
2012
CENTRO UNIVERSITÁRIO ANHANGUERA DE SANTO ANDRÉ
FACULDADE DE ENGENHARIA

T2 - CICLO DE VIDA DE UM PRODUTO - GOL VW: UMA ANÁLISE DAS UNIDADES VENDIDAS NO MERCADOBRASILEIRO ENTRE OS ANOS 1987 E 2010

PROCESSOS - AUTOMBILISTICA



Trabalho apresentado com o como requisito da disciplina Processos - Automobilistica, do curso Engenharia de Processos de Produção.
Orientador: Prof. Roberto P. Aguiar

SANTO ANDRE - SP
2012

Sumário
INTRODUÇÃO 3
1.0 - REFERENCIAL TEÓRICO 6
2.0 - OMODELO GOL VOLKSWAGEN 9
3.0 - METODOLOGIA 10
4.0 - ANÁLISE DOS DADOS 12
5.0 - CONSIDERAÇÕES FINAIS 14
REFERÊNCIAS 15

INTRODUÇÃO

Projetado e desenvolvido no Brasil, o Gol completa 32 anos de história em 2012, com 5.828.000 unidades vendidas no País. Atualmente o modelo está em sua 5ª geração e já superou as 6 milhões de unidades produzidas no Brasil.

Antes do Gol, outro modeloVolkswagen ocupava o posto de liderança de vendas no País. O Fusca, primeiro carro produzido pela marca no Brasil, foi líder por 24 anos consecutivos.
Lançado em 1980,é considerado um dos maiores sucessos da Volkswagen do Brasil de todos os tempos. É também o primeiro e único carro brasileiro a ultrapassar a marca de 5 milhões de unidades produzidas até hoje, tornando-se, em fevereiro de 2009, oprimeiro e único a superar o Fusca em vendas. Pioneiro a tornar-se modelo de entrada da marca Volkswagen em mercados internacionais, e é o modelo mais exportado da história do Brasil, com mais de 1 milhão de unidades vendidas para mais de 50 países, embora nunca tenha sido comercializado na Europa, devido à presença do Volkswagen Polo, que, apesar do preço alto no Brasil, é do mesmo segmento que oGol.
Em 2010 a frota nacional do Gol atingiu 5.152.655 unidades, incluindo todas as versões em circulação do veículo. No mesmo ano, a Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais (CNSeg) divulgou em pesquisa que o Gol é o veículo mais roubado do Brasil com 21.907.
O Gol surgiu a partir da necessidade de se criar um sucessor para o Fusca após a segunda metade dos anos 1970 para enfrentaroutros veículos com projetos modernos como Fiat 147 e Chevrolet Chevette. Os veículos produzidos pela matriz europeia não atendiam as necessidades do mercado brasileiro devido às condições de estradas e hábitos dos consumidores, exigindo assim uma plataforma mais resistente. O departamento de engenharia da Volkswagen, localizada na Fábrica II, no bairro paulistano de Vila Carioca, passou adesenvolver o projeto desta plataforma com base no primeiro Polo, que fora, por sua vez, projetada na Alemanha, há alguns anos antes por Phillip Schmidt, que na ocasião, atuava na Volkswagen brasileira como diretor de Pesquisa e Desenvolvimento.
O projeto BX se deu início em maio de 1975, após Schmidt vencer a resistência da matriz alemã devido aos insucessos dos veículos brasileiros SP-2 e o TL, eretirou inspiração no cupê esportivo Scirocco, que por sua vez, fora baseado no Golf. O nome Gol veio da tendência em que a Volkswagen tinha de dar nomes aos veículos associados a esportes (Polo, Golf, Derby). Assim, este veículo adotou um nome baseado à paixão do brasileiro pelo futebol.
Segundo o jornalista e ex-piloto Bob Sharp, a Volkswagen deu inicio ao trabalho de preparação dos Gols paraparticipação em ralis de velocidade em 1984, observando as exigências de resistência para a participação neste tipo de prova, como estradas de terras precárias e a necessidade de se trafegar em alta velocidade. A Engenharia de Chassi da VW foi insistente em dizer que não seriam necessários reforços adicionais nas estruturas devido ao fato da estrutura do Gol ter sido superdimensionada.
Um estudo...
tracking img