Processo de envelhecimento e

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2978 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Processo de Envelhecimento e
Poder da Resiliência: concepções dos idosos

Resumo

O tema surge na sequência do despertar da temática do envelhecimento e da necessidade de ampliar conhecimentos sobre as novas imagens que surgem e salientam a experiência do envelhecer mais gratificante.
Uma revisão bibliográfica das relações entre o processo de envelhecimento e o poder de resiliêncialevam-nos a refletir sobre a multidimensionalidade da avaliação nesta área e a multidisciplinidade exigida na atuação: os saberes dos idosos, que pensam sobre si mesmos; as suas representações sociais; os costumes e meios de envelhecer; as considerações quanto à condução da própria vida; a capacidade e poder dos idosos se sobreporem às dificuldades biopsicosociais, financeiras (resiliência); e ainda aspolíticas públicas para facilitar o envelhecimento saudável e ideal de vida, e o mais longo e prazeroso possível.

Palavras-chave: processo de envelhecimento; poder da resiliência; vida nova.

Introdução

Desde a mais remota antiguidade a velhice marca sua presença em todas as culturas.
Grande também é a variedade de tratamento ao idoso, conforme os valores que lhe são atribuídos.
Váriossão os fatores que contribuem para o maior ou menor reconhecimento da importância dessa faixa etária, no interior dos lares, na família e na sociedade.
Com o progresso nunca visto antes, desde o aparecimento de ser humano em nosso planeta, a média de vida tem atualmente alcançado cifras antes consideradas extraordinárias.
A conseqüência naturalmente o crescimento do numero de idosos. Ocomportamento diante dos idosos é fortemente afetado por uma concepção que põe em primeiro lugar o bem estar do indivíduo sendo assim apresentamos a resiliência que vem edificar-se por meio de um jogo complexo de processos defensivos de ordem intrapsíquica e de fatores de proteção internos e externos
Em todo o mundo, observamos uma população envelhecida. Isso aponta para a necessidade de pensarmos sobreo processo de envelhecimento e nas condições de vida que temos a oferecer àqueles que compartilham a vivência dos anos com as gerações jovens.
Considerar a resiliência como parte do processo evolutivo. O ser humano se vê submetido inevitavelmente, ao longo de seu desenvolvimento, a adversidades frente às quais colocará em jogo sua possibilidade de se recuperar e seguir adiante perseguindo metas.E uma das tentativas propensa a significar adversidade é, sem dúvida, o envelhecimento.
Diante disso, este estudo apresentou como objetivo estudar as relações da resiliência no idoso

1.Repensar o envelhecimento

Convivemos em espaço de troca que são habitados por diferentes gerações que precisam aprender a valorizar os que alcançam a idade, respeitando a julgamento que se forma nas marcasde um corpo, que atravessou o tempo e que comunga dos mesmos direitos universais a vida.
Há quatros anos no Brasil, a Lei nº 10.7412003 vem garantindo que o envelhecimento não seja apenas um tempo de apenas um tempo de abandono e de discriminação social. É preciso fazer valer esse direito!
Pois, hoje envelhecer não precisa ser um fardo pesado para quem ultrapassou a barreira do tempo, nem paraaqueles que conviverão com as diferenças de idade sobre o mesmo espaço.
A interdependência e a solidariedade que ligam entre si as gerações são fatores importantes para o bem individual e social.
O envelhecimento tem hoje características de etárias e materiais jamais conhecidas na história humana, com possibilidade de vida longa para uma parcela numerosa da população. A ciência e a tecnologia,nas áreas biomédicas, aliadas aos conhecimentos profissionais especializados, oferecem meios para compensar as perdas, facilitar adaptações às mudanças, recuperar capacidades perdidas, melhorar níveis de segurança no meio ambiente, enfim, assegurar ao ser humano condições de vida mais satisfatórias até idades avançadas. O acesso a esses recursos, entretanto, passa pelo crivo da desigualdade...
tracking img