Procedimentos de endoscopia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1274 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
HEMORRAGIA GÁSTRICA
Materiais e medicamentos:
1 agulha de esclerose
1 amp de glicose 25%
1 amp de adrenalina
1 seringa de 10 ml
1 agulha 40 x 12
Procedimento:
Aspirar 1ml de adrenalina para 9 ml de glicose 25%, preencher a agulha de esclerose com a solução antes de introduzir no canal do aparelho manter a agulha recolhida e expor somente próximo da lesão administrar nos quadrantes, maisou menos 1ml em cada quadrante.

---------------------------------------------------------
ESCLEROSE COM ETHAMOLIN
Materiais e medicamentos:
1 agulha de esclerose
1 seringa de 10ml
1 agulha 40 x12
5 ampolas de Ethamolim
5 ampolas de glicose 25%
Procedimento:
Aspirar 5 ml de Ethamolin com 5ml de glicose 25%, preencher a agulha de esclerose e injetar conforme solicitação médica,geralmente 0,25 em cada quadrante.


LIGADURA ELÁSTICA
Materiais :
1 kit de ligadura
Procedimento:
Inserir no canal de biópsia a manopla do kit após o fio guia (branco plástico), laçar o fio na ponta do guia , passar xylocaína na ponta plástica com as borrachas.





Substancias adesivas: A mais utilizada é o Histoacryl (B. Braun). Trata-se de substâncias que são injetadas sob a formalíquida e polimerizam e endurecem quando entram em contato com soluções iônicas (soro, sangue) Para retardar o tempo de polimerização, o Histoacryl é misturado com lipiodol em concentrações variáveis de 1:2 (1 de histoacryl 2 de Lipiodol = 33%) até 1:5. O tempo de polimerização depende da concentração desta mistura. A utilização de histoacryl demanda numerosos cuidados. Para começar, nenhum material comoagulhas, seringas ou torneiras que tenham estado em contato com soro devem ficar no campo de trabalho para evitar que acha polimerização precoce. O cateter por onde será injetado a mistura deve ser intensamente lavado com solução de glicose 5 ou 10 %. A distancia que o histoacryl irá alcançar dentro da circulação após injetado é um evento complexo que depende a concentração e viscosidade damistura com lipiodol, da velocidade do fluxo do vaso e da técnica de injeção. O histoacryl tem sido bastante utilizado para embolizar malformações AV, pseudoaneurismas, arcadas vasculares e varizes esofagianas. Uma outra substancia adesiva utilizada para embolização é o Glubran (Ciclomed). É um monômero derivado do cyanoacrilato, com características adesivas semelhantes ao Histoacryl, porém maishomogêneo e com capacidade de difusão mais compacta. A maneira de usá-la é semelhante ao Histoacryl.

|[pic] |







A mais utilizada é o Histoacryl (B. Braun). Trata-se de substâncias que são injetadas sob a forma líquida e polimerizam e endurecem quando entram em contato com soluções iônicas (soro, sangue) Para retardaro tempo de polimerização, o Histoacryl é misturado com lipiodol em concentrações variáveis de 1:2 (1 de histoacryl 2 de Lipiodol = 33%) até 1:5. O tempo de polimerização depende da concentração desta mistura. A utilização de histoacryl demanda numerosos cuidados. Para começar, nenhum material como agulhas, seringas ou torneiras que tenham estado em contato com soro devem ficar no campo de trabalhopara evitar que acha polimerização precoce. O cateter por onde será injetado a mistura deve ser intensamente lavado com solução de glicose 5 ou 10 %. A distancia que o histoacryl irá alcançar dentro da circulação após injetado é um evento complexo que depende a concentração e viscosidade da mistura com lipiodol, da velocidade do fluxo do vaso e da técnica de injeção. O histoacryl tem sidobastante utilizado para embolizar malformações AV, pseudoaneurismas, arcadas vasculares e varizes esofagianas. Uma outra substancia adesiva utilizada para embolização é o Glubran (Ciclomed). É um monômero derivado do cyanoacrilato, com características adesivas semelhantes ao Histoacryl, porém mais homogêneo e com capacidade de difusão mais compacta. A maneira de usá-la é semelhante ao Histoacryl...
tracking img