Polimeros

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1482 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Polímeros (PET)















POLÍMEROS: PET

















JUNDIAÍ/SP
2011
FACULDADE PITÁGORAS













REGINALDO ROSA – R.A.: 00051483
CURSO: ENGENHARIA DE PRODUÇÃO
DISCIPLINA: CIÊNCIAS E ENGENHARIA DOS MATERIAIS
PROFESSOR: RICARDO ANDRADEJUNDIAÍ/SP
2011

SUMÁRIO


INTRODUÇÃO 4
CARACTERÍSTICAS 4
APLICAÇÕES 6
PROCESSO DE FABRICAÇÃO 6
RECICLAGEM 7
BENEFÍCIOS SOCIAIS 8
BENEFÍCIOS ECONÔMICOS 9
BENEFÍCIOS AMBIENTAIS 9
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 10


















































INTRODUÇÃO



Politereftalato de etileno, ou PET, é umpolímero termoplástico, formado pela reação entre o ácido tereftálico e o etileno glicol, originando um polímero, termoplástico. Utiliza-se principalmente na forma de fibras para tecelagem e de embalagens para bebidas.
Possui propriedades termoplásticas, isto é, pode ser reprocessado diversas vezes pelo mesmo ou por outro processo de transformação, tornando-se 100% reciclavel. Quando aquecidos atemperaturas adequadas, esses plásticos amolecem, fundem e podem ser novamente moldados.
As garrafas produzidas com este polímero só começaram a ser fabricadas na década de 70, após cuidadosa revisão dos aspectos de segurança e meio ambiente.
Suas principais propriedades são:
• Boa resistência mecânica térmica e química;
• Boas propriedades de barreira, tendo uma absorção deoxigênio de 10 a 20 vezes menor que nos plásticos “commodities”;
• Fácil reciclabilidade.
O PET é um polímero de engenharia que, graças ao contínuo aperfeiçoamento de seu processo de fabricação e à enorme aceitação na fabricação de garrafas de refrigerante, acabou mudando de status: passou de plástico de engenharia para “commodity”.



CARACTERÍSTICAS



As macromoléculasde PET puro (o chamado homopolímero) constituem-se de repetições da molécula mais simples (mero) de tereftalato de etileno. Nos polímeros comerciais, 130 a 155 repetições desse mero constituem a macromolécula típica de PET.


FIGURA 1

[pic]Composição química do mero Polyethylene terephthalate, PET



O PET homopolímero cristaliza-se com facilidade, prejudicando a transparência dopolímero. Para se evitar esse problema as condições de processamento têm de ser muito precisas, o que atrapalha a vida do transformador. Por isso, o PET homopolímero não é muito usado. Prefere-se usar copolímeros de PET, os quais se cristalizam mais lentamente, facilitando as condições de transformação para se obter um produto com boa transparência.
As macromoléculas dos copolímeros de PETcontêm outros meros além do tereftalato de etileno. Ou seja: no homopolímero a macromolécula é constituída pela repetição de um só mero (molécula simples), como se fosse um trem constituído de vagões idênticos. Já no copolímero a macromolécula é constituída pela repetição de mais de um mero, como se fosse um trem constituído por mais de um tipo de vagão.
Alguns copolímeros de PETapresentam macromoléculas formadas pela repetição de dois meros:
• ciclohexanodimetanol e ácido tereftálico;
• etilenoglicol e ácido isoftálico.
Eles estão distribuídos aleatoriamente ao longo da macromolécula, dificultando a cristalização do polímero e favorecendo sua transparência. Este tipo de copolímero é especialmente adequado para moldagem por injeção sob curtos temposde ciclo, como peças em geral, pré-formas, garrafas com paredes espessas.

APLICAÇÕES



Dentre as várias formas de utilização do PET, destacamos como principais:
• Garrafas para bebidas carbonatadas, óleos vegetais, produtos de limpeza, etc.;
• Na forma de fibras, onde apresentam excelente resistência mecânica e ao amassamento, bem como lavagem e secagem...
tracking img