Piaget

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1144 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
A CONCEPEPÇÃO DE JEAN PIAGET E A INTERVENÇÃO PSICOPEDAGÓGICA:
POSSIBILIDADES E LIMITES

A RELATIVIDADE DO CONSTRUTIVISMO COMO PROPOSTA PEDAGÓGICA

Atualmente o construtivismo se apresenta como uma proposta pedagógica para a escola,segundo alguns, ela se fundamenta sobretudo na teoria de Piaget acerca da construção da inteligência, talvez uma relação tão direta seja excessiva com respeito àteoria piagetiana.
Uma proposta pedagógica abarca o funcionamento de uma escola, contendo uma dimensão psicopedagógica é mais ampla e contém uma especificidade diferente da encontrada nas teorias psicológicas.
Vivemos hoje as marcas produzidas em épocas passadas no cenário da cultura educacional brasileira, a marca que promove a derivação direta da teoria psicológica para uma proposta pedagógicatem suas raízes na Escola Nova, que consolidou a relação entre psicologia e pedagogia, a relação entre pedagogia e psicologia importa e muito, pois trata de produção do conhecimento, e da produção dos próprios sujeitos nela envolvidos: professor e aluno.
A relação entre uma teoria psicológica e a intervenção psicopedagógica fica mais próxima, dando base para reflexão sobre o construtivismo, aintervenção psicopedagógica atua na aprendizagem, na produção do conhecimento, centrando-se nos sujeitos aí envolvidos.
A referência da intervenção psicopedagógica é a aprendizagem, enquanto construção do conhecimento, que acontece na escola um lugar privilegiado, a intervenção psicopedagógica se refere à escola, embora não somente a ela, refere-se prioritariamente a um sujeito que se dispõe aoconhecimento. Trata-se de hipóteses sobre o sujeito em seu processo de construção do conhecimento, uma teoria sobre a construção da inteligência é relevante para sustentar uma intervenção psicopedagógica.

RELAÇÕES ENTRE A TEORIA DE PIAGET E A INTERVEÇÃO PSICOPEDAGÓGICA

Ao demontrar como ela é constuída, Piaget entende que a inteligência é aprendida, sem situar-se no behaviorismo, para essaconstrução, o ser humano traz estruturas básicas originais herdadas, ao construir sua inteligência mediante a construção do conhecimento.
A inteligência então, não sendo herdada, se constrói na relação sujeito- objeto, a intervenção psicopedagógica é uma relação mediadora entre o sujeito e o objeto na construção do conhecimento, da inteligência.
A própria teoria, como Piaget a elaborou, forneceessa base, acompanhando a criança, propondo-lhe situações desafiadoras em contato com materiais ou conteúdos (o objeto do conhecimento ) provocantes para o sujeito, no sentido de ele investir nesse objeto, configurá-lo e apreendê-lo como um problema para si próprio.
Enquanto o aluno faz construções- desconstruções sobre conteúdos, materiais ou situações, o professor investe no acompanhamento doaluno e faz suas construções- desconstruções através de hipóteses sobre o que supõe estar ocorrendo no processo de construção dos alunos, ele prioriza a emergência do sujeito, pois quem opera os mecanismos de funcionamento da inteligência, é o próprio sujeito: sujeito professor e sujeito aluno.
Se as metodologias e técnicas de ensino amordaçam o sujeito, a teoria piagetiana apóia sua emergência:através dela, professor/ psicopedagogo ou aluno entra em contato consigo mesmo, o sujeito precisa se encontrar com seu processo interno de produção de conhecimento, escutá-lo, percorrê-lo, tanto na posição de aluno como o de professor, prioritariamente na posição de professor/ psicopedagogo porque não há como acompanhar o processo de construção de um aluno sem que antes o processo do professor/psicopedagogo tenha sido escutado e acompanhado.
A teoria de Piaget contempla uma universalidade na qual podemos situar o desenvolvimento da inteligência, esse aspecto facilita uma leitura que dá condições para a intervenção psicopedagógica padronizar expectativas, transformando esses períodos em critérios normativos para didática e metodologias de ensino.
Uma leitura mais cuidadosa dos textos...
tracking img