Phmetria

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1561 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO
CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS
BACHARELADO EM BIOMEDICINA

ALUNO:
Anthony Alves

BIOFÍSICA

Recife – PE
2011

Introdução

Potencial Hidrogeniônico, mais popularmente conhecido pH, é usado para indicar acidez, neutralidade ou alcalinidade. Para se fazer a mediação exata do pH se usa o método eletrométrico ou pontenciométrico, que é feita a partir deaparelhos denominados pH-metros ou pontenciométricos. Para se medir a basicidade ou acidez da solução posso também utilizar o método colorimétrico, que se dá pelo uso de indicadores, porém não vou conseguir definir com exatidão o pH.
A medida do Ph se dá através de uma escala de 0 a 14, quando o pH se encontra abaixo de 7 a substância é dita como ácida, quando o pH é 7, neutra, e quando estáacima de 14, básica. O pH considerado ótimo para que se ocorra a maioria das reações no nosso organismo se localiza entre 4,0 e 6,0. Então é válido ressaltar que a mudança brusca do pH pode acarretar danos nas reações, por isso se faz uso das reações tampões para que a variação do pH seja mínima, para que não haja prejuízos ao meio.

Procedimentos experimentais

Objetivos gerais

Aprender amanusear o pH-metro, aparelho pelo qual vou medir com exatidão o pH.
Observar como a adição de um indicador vai alterar a coloração da substância e como vai me ajudar a identificar o pH aproximado.
Verificar como a adição de um componente pode interferir no pH de uma solução

Metodologia

* Primeira etapa

Equipamentos: pH-metro e agitador magnético
Vidraria: oito tubos ensaio, uma pipetade 10 ml e um Becker de 10 ml
Soluções: solução A (fosfato ácido de sódio NaH2PO4), solução B (fosfato básico de sódio Na2HPO4), solução tampão de pH 7,0 e solução tampão de pH 4,0.
Outros: estante para tubos de ensaio, água destilada, papel absorvente.

* Segunda etapa

Utilizou-se os oito tubos de ensaio com as oito soluções da primeira etapa; o vermelho de fenol e ao final, uma soluçãoX, que a monitora forneceu.

* Terceira etapa

Utilizou uma solução com 5,5 ml de bicarbonato de sódio (NaHCO3) misturada com 9,5 ml de água destilada e uma pipeta para fazer o borbulhamento da solução.

Procedimentos

* Primeira etapa
Foi ajustado o pH-metro, seguindo os seguintes passos:
despejou-se as soluções de calibração em tubos de ensaio(até a metade) devidamenteidentificadas (pH7,0 e pH=4,0);
retirou-se o eletrodo do Becker com água destilada e o enxugou delicadamente;
mergulhou o eletrodo no tubo de ensaio contendo a solução de pH=7,0;
colocou o aparelho no modo de leitura de pH;
ajustou-se o controle de calibração até que no visou aparecesse o valor 7,0;
colocou o aparelho o modo “ stand by” e retirou o eletrodo;
lavou o eletrodo com a ajuda de umapisseta e o enxugou com papel absorvente;
mergulhou o eletrodo no tubo de ensaio com a solução de pH=4,0;
colocou o aparelho no modo de leitura de pH;
ajustou o controle de sensibilidade até que no visor aparecesse o valor de 4,0;
colocou o aparelho em “stand by” e retirou o eletrodo do tubo de ensaio;
lavou o eletrodo e o deixou parcialmente imerso num Becker com água destilada;
devolveu assoluções de calibração os seus respectivos frascos.

* Segunda etapa (dividida em duas fases)

1ª fase
Separou-se na estante oito tubos de ensaio;
pipetou cada tubo com solução A (fosfato ácido de sódio NaH2PO4) e solução B (fosfato básico de sódio Na2HPO4), nas proporções indicadas abaixo:
Soluções/Tubos | 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 |
A (ml) | 7,0 | 6,0 | 5,0 | 4,0 | 3,0 | 2,0 | 1,0 |0,5 |
B (ml) | 3,0 | 4,0 | 5,0 | 6,0 | 7,0 | 8,0 | 9,0 | 9,5 |

no fim desse processo foi feita a medição do pH de cada solução.

2ª fase
Mergulhou o eletrodo na solução do tubo 1;
colocou o aparelho no modo de leitura de pH;
observou o valor que apareceu no visor e anotou;
colocou o aparelho no modo de “stand by”, retirou o eletrodo, lavou e o enxugou, e assim o fez...
tracking img