Peter

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1668 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Peter Drucker

O mais renomado dos pensadores de administração.


• Foi professor de ciências sociais da Claremont Graduate University, Califórnia, EUA, escreveu muitos artigos e mais de 30 livros.
• Pode-se afirmar que não há teoria de management que não parta da obra de Drucker.
• Ao longo de sua carreira, produziu uma mistura única de rigor intelectual, popularização,praticidade e profundo conhecimento das tendências cruciais.

Peter Drucker – Presidentes de Empresas e a Informação


• A primeira conferência de administração de que se tem notícia foi convocada em 1882, pelo Escritório Postal Alemão.
• Só foram convidados os presidentes de empresas.
• O tema tratado era como não ter medo ao telefone; entretanto, ninguém compareceu.
• Ospresidentes se sentiram insultados.
• A idéia de que eles utilizariam o telefone era inaceitável.
• O telefone era para os subordinados.
• A maior parte dos presidentes executivos acredita que é tarefa dos diretores de tecnologia da informação (TI) identificar a informação que necessitam.
• Os diretores de TI fabricam a ferramenta; como usuários, são os presidentes que devemdecidir como utilizá-la.
• Eles têm de aprender a assumir a “responsabilidade da informação”.
• A maioria das empresas tem dois sistemas de informação.
• Um está organizado em torno do fluxo de dados; o outro, ao redor do antigo sistema contábil, cujo estado é deplorável.
• As mudanças que veremos nos próximos 20 anos nas tecnologias da informação não são nada secomparadas às que se registrarão na contabilidade.
• O problema da contabilidade é simples. Quer se trate de uma loja de departamentos, de uma universidade ou de um hospital, permite-nos saber quanto dinheiro entra e quanto sai e para onde vai esse dinheiro.
• Contudo, não podemos relacionar os gastos com os resultados.
• Ninguém sabe como fazê-lo.

Peter Drucker – A Revolução daInformação


• O impacto psicológico da Revolução da Informação, como o da Revolução Industrial, tem sido enorme.
• O verdadeiro impacto revolucionário está começando a ser sentido.
• Não foi originado pela “informação”, pela “inteligência artificial” ou pelo efeito dos computadores sobre a tomada de decisões, as políticas ou a estratégia, mas por algo que praticamente ninguémprognosticou: o comércio eletrônico, que é o explosivo surgimento da Internet como um dos principais canais para a distribuição mundial de bens, serviços e postos de trabalho profissionais e gerenciais.
• A ferrovia foi o elemento verdadeiramente revolucionário da Revolução Industrial.
• Além de criar uma nova dimensão econômica, modificou rapidamente a “geografia mental” do povo, expandindo oshorizontes do homem comum.
• O comércio eletrônico é para a Revolução da Informação o que a ferrovia foi para a Revolução Industrial: um passo evolutivo totalmente novo, sem precedentes e absolutamente inesperado.


Peter Drucker – Empresas, Comércio, Mercados


• Em 15 anos, a administração do poder dentro de uma corporação será substancialmente diferente.
• Estamosobservando uma mudança fundamental na estrutura da propriedade das empresas e isso vem acompanhado de mudanças na administração do poder.
• Um dos maiores erros que cometi durante minha carreira foi cunhar, em meados da década de 1940, o termo “centro de lucros”.
• A verdade é que nas empresas só existem centros de custos.
• O único centro de lucros é um cliente cujo cheque não foidevolvido.
• Se você tem 30% do mercado, é um gigante.
• Isso significa, porém, que 70% dos clientes não compram seu produto ou seu serviço.
• Esses “não-clientes”, sobre os quais você sabe muito pouco, são muito importantes como fonte de informação, pois ajudam a estimar quais serão as mudanças que afetarão seu setor.


Peter Drucker – A Economia Mundial


• A...
tracking img