Pert/cpm

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 44 (10879 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Guerra Irã x Iraque
A história das operações dos F-14 e F-4 do Irã são muito ricas para os estudiosos das táticas de combate aéreo. Neste conflito ocorreram cerca de 400 combates aéreos com mais de 200 aeronaves derrubados. Entre estes combates foram vários a longa distância.
No fim da década de 70 a Força Aérea do Irã procurava um interceptador para contrapor as ameaças para os próximos 20anos. Os requerimentos incluíam grande autonomia para ter capacidade de cobrir todo o território, além de sensores e armas potentes. O F-14 pode fazer patrulha de combate aéreo a 250 km da base por duas horas com reserva para pouso embarcado. Operando em terra a reserva significa mais tempo na estação. Lançado do convés o F-14 tinha um raio de interceptação de 360 km voando a Mach 1.3 (na US Navyseria para interceptar as aeronaves que penetram nas patrulhas externas). As áreas montanhosas do país necessitavam de uma aeronave com um radar potente para cobrir as falhas na cobertura dos radares em terra.
Os iranianos queriam um caça com um grande radar e uma aeronave que pudesse se defender. Esta escolha se mostrou importante contra os iraquianos. Seus radares em terra fornecidos pelosamericanos eram propositalmente de segunda categoria. Por isso o requerimento incluía a compra de oito aeronaves E-3 Sentry. O Irã também comprou 14 aeronaves KC-707 para apoiar as operações dos seus caças e interceptadores.
O F-15 foi estudado para o requerimento, mas a potência do radar AWG-9 era mais importante com o alcance bem maior junto com a capacidade do AIM-54. O F-14 tinha a vantagem depoder ser entregue antes do F-15 e demonstrou ter capacidade de derrubar o Mig-25. A manobrabilidade do F-14 também impressionava, mas a capacidade de defesa de área era o requerimento mais importante. Durante a guerra contra o Iraque, o Tomcat mostrou ser tão bom que apenas com o canhão e dois AIM-9P e sem o radar funcionando podia vencer qualquer caça iraquiano.
Os esquadrões de F-14 iranianosrecebiam os melhores pilotos. Venciam fácil os F-4 nos treinos até em desvantagem de 4 x 1. Os pilotos foram instruídos pelos instrutores da US Navy a não fugir e sim engajar. O F-14 era muito manobrável e até a baixa velocidade. O F-14 tinha uma taxa de giro sustentado de 18 graus por segundo puxando 6.5g com um raio de curva de 600 metros. Também era capaz de sustentar 6.5g a Mach 2.2 e acelera develocidade de espera a Mach 1.8 em 75 segundos.
Na US Navy o F-14 vencia fácil os F-15 e F-16. No Irã vencia fácil os Mig-29 e por isso compraram poucos caças russos. Os pilotos tinham a vantagem de poder escolher engajar a longa distância ou a curta distância ou podiam engajar a longa distância e direcionar os Mig-29 para combate aproximado com o R-73 (não disponíveis durante o conflito).Estudos da década de 70 para um interceptador de defesa continental para USAF também mostraram que o F-14 era melhor que o F-15 para a missão. Em 1977 foi previsto que 170 caças F-14 custaria US$ 4,3 bilhões contra US$3,9 bilhões para o F-15. A Grummam cita que a capacidade de 170 F-14 seria igual a 300 F-15 para defesa continental. Em 1974 foi oferecido o F-14T mais barato sem o radar AWG-9 no lugar doF-15 para a USAF. A USAF acabou transferindo caças F-15A e depois comprando F16 ADF em 1986 (concorreu com o F-20). Os pilotos não gostavam de ir para os F-15 de interceptação. Nestas missões os caças eram direcionados por radares em terra até o alvo e terminavam a interceptação com o radar interno. Os F-15 iniciam sua interceptação autonoma a partir de 80km, mas para treinar os radares em terrainiciavam a bem menos. Nestas missões não havia ameaça SAM e os alvos eram geralmente fáceis de combater. Os pilotos nunca usavam todas as capacidades do Eagle.
A proposta de F-14 para o Reino Unido também mostrou que era o único que preencheria os requerimentos de interceptação a longa distância contra o F-15 e F-16. O Reino Unido acabou desenvolvendo o Tornado ADV com metade dos custos mas...
tracking img