Perfuro cortante

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 11 (2742 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 9 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 INTRODUÇÃO

O interesse em relação aos acidentes do trabalho com material perfurocortante vem aumentando, principalmente após a década de 90, devido aos danos causados à saúde dos trabalhadores e às instituições e o aumento no número de casos de AIDS. Palucci e Mariani (2002) relatam que os maiores riscos dos acidentes perfurocortantes não são as lesões, mas os agentes biológicos veiculadospelo sangue e secreções corporais, principalmente o HIV e HBV, que estão presentes nos objetos causadores.
Para Jansen (1997), o contato com microorganismos patológicos oriundos devido a acidentes ocasionados pela manipulação de material perfuro cortante, ocorre, com grande freqüência, na execução do trabalho de enfermagem. Brevidelli (1997) acrescenta que a exposição ocupacional por materialbiológico é entendida como a possibilidade de contato com sangue e fluidos orgânicos no ambiente de trabalho, e as formas de exposição incluem inoculação percutânea, por intermédio de agulhas ou objetos cortantes, e o contato direto com pele e/ou mucosas.
A análise dos resultados sugere que todas as categorias de profissionais de enfermagem estão sujeitas a acidentes com material perfurocortante, oque faz necessária a realização de estudos aprofundados que detectem as causas mais comuns e as conseqüências para os profissionais, para possibilitar a elaboração de programas de educação, treinamento dos profissionais, supervisão contínua e sistemática e modificações nas rotinas de trabalho, tornando um hábito a prática das precauções de segurança.
O acidente de trabalho em nosso país deve sercomunicado imediatamente após sua ocorrência, por meio da emissão da Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT), que deve ser encaminhada à Previdência Social, ao acidentado, ao sindicato da categoria correspondente, ao hospital, ao Sistema Único de Saúde (SUS) e ao Ministério do Trabalho. (MARCELINO, 1999)
Apesar de, legalmente, ser obrigatória a emissão da CAT, Barros e Lehfeld (1986) observaram,na prática, a subnotificação dos acidentes de trabalho. O autores acrescentam ainda que o sistema de informação utilizado apresenta falhas devido à concepção fragmentada das relações de saúde e trabalho, marcada por uma divisão e alienação das tarefas dos profissionais responsáveis pelo registro da CAT, os quais privilegiam o cumprimento de normas burocráticas, mas não o envolvimento profissionalcom a questão acidentária.
Muito além dessa utilização acima Palucci e Mariani (2002) priorizam as precauções padrão como medida preventiva, pois afirmam que estão disponíveis, no mercado, dispositivos considerados seguros, como os sistemas sem agulhas, os de agulhas retráteis e os sistemas protetores de agulhas.
O autores relatam ainda que apesar de a literatura americana demonstrar o impactopositivo desses dispositivos na redução do número de acidentes perfurocortantes, a maioria das instituições de saúde no Brasil não tem perspectivas de implantá-los a curto prazo, devido a seu elevado custo.
O mais importante que se elabore e implemente um programa de educação continuada que aborde a questão dos acidentes e exposição a material biológico, esclarecendo os trabalhadores deenfermagem sobre a importância da notificação, busca de atendimento médico nas 2 horas que seguem o acidente, sensibilizá-los sobre a eficácia da vacina para prevenção da hepatite B, esclarecer sobre a utilização de EPI e precauções padrão.
O sucesso de qualquer programa educativo está diretamente ligado à participação e reconhecimento por parte dos trabalhadores e apoio da instituição. (PALUCCI,MARIANI; 2002)

1. JUSTIFICATIVA


Tendo em vista a importância de se evitar acidentes com perfurocortantes, o presente estudo tem por finalidade promover a atividade de educação a equipe de saúde exposta a esse tipo de contaminação.




2 OBJETIVO




Treinar a equipe de enfermagem com foco no descarte correto de material perfuro cortantes, evitando risco de acidente biológico.

3...
tracking img