Pedagogia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3176 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
PSICOPATOLOGIAS

Psicóloga: Thalita Teixeira Farias Cordeiro

CRP 01/13018

ESTRUTURA FAMILIAR
Função Materna (natural)
• É responsável pelo início da construção do EU: Afetividade, Sexualidade (toque da mãe, carinho, tom de voz). • Primeiro ano de vida da criança. EU ainda frágil.

ESTRUTURA FAMILIAR
Função Paterna (cultural)
• É responsável pela construção do EU + OUTRO:Relacionamento, Bom Humor. Segundo ano de vida da criança. • Responsável pelo social (brincadeiras nos parques, em aparelhos/segurança).

SUBDIVISÕES DOS TRANSTORNOS

NEUROSE

FOBIA TOC PÂNICO TRANSTORNO SOMATOFORME ou histriônico (HISTERIA)

SUBDIVISÕES DOS TRANSTORNOS
ESQUIZOFRENIA
PSICOSE TRANSTORNO DE HUMOR BIPOLAR

SOCIAL
PERVERSÃO SEXUAL

NEUROSE
• Mecanismo de defesa é o recalque;• O indivíduo não rejeita a realidade, somente reprime a realidade e investe em suas fantasias.

NEUROSE
• • • • • • Tentativa de adaptação à realidade Fobia Síndrome de Pânico TOC (neurose obsessiva) Transtorno Somatoforme ou histriônico (Histeria) Grave

“O neurótico está sempre tentando adaptar-se à realidade. “

NEUROSE
Na neurose encontramos: • Desamparo • Insegurança • Angústia •Indecisão • Fantasias

NEUROSE
Ansiedade  pode surgir tantos por emoções positivas quanto por negativas. Normalmente provocada por objetos externos.

Angústia  percebe-se algo errado, sem identificar um objeto especifico. Está ligada aos restos psíquicos.
“Se uma criança cria um amigo imaginário, é provável que seja carência afetiva”. Até os 6 anos, pode-se considerar normal, mas apartir disso, anormal.Deve-se nesse momento procurar ajudar psicológica para a neurose não se solidificar”.

FOBIA - NEUROSE
• Primeira subestrutura da neurose; • “A maior parte das fobias têm sua origem em experiências remotas, quase sempre na infância” (Cabral&Nick, 2000); Medo: é um sentimento real. Existe um objeto externo e sei por que tenho o medo;

Fobia: é um medo intenso interno,deslocado para um objeto externo (simbólico).

FOBIA - NEUROSE
Freud citava: Fobia  ocasiona um estado de angústia impossível de ser dominado, que se traduz por violenta reação de evitação, e que sobrevém de modo relativamente persistente quando certos objetos, tipos de objetos ou situações se fazem presentes, imaginadas ou mencionadas.

FOBIA - NEUROSE
• Fobia simples
• Fobia contingente:(hoje chamada de Síndrome de Pânico - doença da modernidade)

SINDROME DO PÂNICO - NEUROSE
ATAQUE DE PÂNICO  Esporádicos
SÍNDROME DE PÂNICO  Ataques recorrentes

SINDROME DO PÂNICO - NEUROSE
Sintomas: • Físicos
Emocionais Despersonalização Medo de Morrer VAZIO  FANTASIAS

SINDROME DO PÂNICO - NEUROSE
DESENCADEAMENTO DO PÂNICO: • lembrança do primeiro ataque; • sentido da doença (tem aver com a história de vida, restos psíquicos); • a partir do ataque atual, tentar buscar o primeiro ataque para entender como foi desencadeado.

SINDROME DO PÂNICO - NEUROSE
• TRATAMENTO: Ataque atual Considerar o último ataque que o paciente teve, deixando-o falar livremente sobre isso. Questões a serem investigadas: quais as principais sensações nesse ataque? Quais as principais emoções noataque? O paciente deverá identificar os seus sintomas, principalmente os sintomas físicos.

• É um transtorno mental;

TOC - NEUROSE

• Acomete principalmente indivíduos jovens, sendo muitas vezes grave e incapacitante;

• Caracteriza-se pela presença de obsessões e ou compulsões;
• Obsessões são pensamentos ou impulsos que invadem a mente de forma repetitiva e persistente; •Compulsões ou rituais são comportamentos ou atos mentais voluntários e repetitivos, executados em resposta a obsessões, ou em virtude de regras que devem ser seguidas rigidamente.

TOC - NEUROSE
Categorias principais do quadro de TOC: a) as compulsões de limpeza; b) as de verificação; c) as obsessões puras; d) lentidão obsessiva primária, caracterizada pela necessidade de precisão em tudo o que é...
tracking img