Parto normal

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4475 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
SOCORROS DE URGÊNCIA

TRABALHO DE SOCORROS DE URGÊNCIA
ASSUNTO: Parto de Emergência
Queimaduras
Traumas Causados pelo Frio
T.C.E.

Trabalho da disciplina de Socorros
De Urgência

PIRAQUARA
OUTUBRO – 2005

1- Introdução:

O presente trabalho tem por objetivo auxiliar na formação de melhores profissionais, dando um suporte para oatendimento do socorro de urgência adequado e hierarquizado, ou seja, aquele atendimento que procura diminuir sensivelmente as sequelas temporárias ou definitivas das vítimas, além reduzir o número de óbitos.
A primeira parte do trabalho relata algumas intercorrências que podem ameaçar a vida da mãe e/ou da criança durante um Parto, abordando situações desde o Parto Normal até os Partos comDificuldades e os devidos cuidados de emergência em cada situação encontrada. A segunda parte apresenta importantes informações sobre os tipos de Queimaduras, seus agentes causadores, profundidade ou graus, extensão ou severidade, assim como, os cuidados de emergências com os queimados. A terceira parte traz uma abordagem sobre os Traumas Causados pelo Frio, como a Hipotermia, Geladura,Congelamento, Frieiras, Pé de Imersão e seus respectivos cuidados emergênciais. A quarta e última parte do trabalho cita todos os aspectos do Trauma Craniencefálico, desde sintomas, gravidade, avaliação da vítima até a determinação da Escala de Glasgow, outros aspectos adjuntos ao trauma também serem abordados.
Este trabalho se propõe ser um referencial para os socorristas e demais profissionais da áreade saúde que desejam ampliar seus conhecimentos na área de atendimento pré-hospitalar.

2 – Desenvolvimento:

2.1 – Parto de Emergência

No decurso da gravidez, algumas intercorrências podem ameaçar a vida da mãe e/ou da criança, configurando situações de emergência que exijam a intervenção do socorrista.
Além disso, socorristas podem ser acionados para assistir ao trabalho de partonormal, desencadeado na via pública.
Isso justifica prepará-los para atuar nas emergências obstétricas: parto normal, parto prematuro e abortamento.

2.1.1 – Parto Normal

É o processo pelo qual a criança é expelida do útero, compreendendo três períodos:
▪ Período de Dilatação
▪ Período de Expulsão
▪ Período de Dequitação Placentária

2.1.2 – Período de DilataçãoPrimeiro período do trabalho de parto, que começa com os primeiros sintomas e termina com a completa dilatação do canal vaginal. O sinal mais importante neste período de dilatação são as contrações do útero, que fazem com que o colo se dilate de 0 a 10cm.

2.1.3 – Cuidados de Emergência no Período de Dilatação

▪ Tranqüilizar a gestante.
▪ Reconhecer se as dores sentidas pela gestantesão contrações ou apenas dores na região lombar ou na região baixa da barriga.
▪ Controlar a freqüência, duração e intensidade das contrações. Observar a presença do “sinal” (tampão mucossanguíneo, sem sangramento vivo em quantidade substancial).
▪ Verificar os sinais vitais.
▪ Questionar sobre o tempo de gestação, anormalidades durante a gravidez.
▪ Insista para que apaciente não faça força e, em vez disso, encoraje-a para que respire ofegantemente durante as contrações (respiração de “cachorrinho cansado”).
▪ Se você reconhecer que a gestante está no primeiro período de trabalho de parto, prepare-a para transporte ao hospital.
▪ Transportar a gestante em decúbito lateral esquerdo e ministrar o oxigênio.
▪ Manter um familiar junto agestante.
▪ Levar, se possível, o cartão com informações sobre o pré-natal.

2.1.4 – Período de Expulsão

É o período em que a gestante começa a fazer força espontaneamente. Há repentino aumento das descargas vaginais. Algumas vezes os líquidos são claros, com leve sangramento. Isso indica que a cabeça da criança está passando através do canal do parto, já completamente dilatado.
A...
tracking img