Organizacao e gestao de materiais em stock

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 59 (14549 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ÍNDICE
Introdução 5
RELATÓRIO DE ESTÁGIO 6
1.2.Objectivos Especificos 9
1.3. Justificativa 9
1.4.Problematização 9
1.5.Hipóteses 9
1.6.Metodologia 9
2.1 UMA INTRODUÇÃO HISTÓRICA À GESTÃO DE MATERIAIS 10
2.2.GESTÃO DE MATERIAIS : DEFINIÇÕES 10
2.3.Subsistemas Tipicos : 11
2.3.1. Controle de stock 11
2.3.2. A Classificação de Material 11
2.3.4. Aquisição / compra deMaterial 11
2.3.5. Armazenagem / Almoxarifado 12
2.3.6. Movimentação de material 12
2.3.7. Inspenção do Recebimento 12
2.3.8.Cadastro 12
2.4. Subsistemas Especificos: 12
2.4.1. Inspensão de suprimentos 12
2.4.2. Padronização e normalização 12
2.4.3. Transporte de material 12
2.4.4. RSPONSABILIDADES E ATRIBUIÇÕES DA GESTÃO DE MATERIAIS 13
2.4.5. OBJECTIVOS PRINCIPAIS DA ORGANIZAÇÃO EGESTÃO DE MATERIAIS E RECURSOS PATRIMONIAIS 14
2.4.7. FLUXO DAS ACTIVIDADES 18
3. GESTÃO DE STOCKS 20
3.1. A GESTÃO DE STOCK 20
3.1.1 NATUREZA DOS STOCKS 20
3.1.2 FUNÇÕES DO STOCk 23
3.1.3 CLASSIFICAÇÃO DE STOCK 23
3.1.3.1 Stocks de Matérias-Primas (MPs) 23
3.1.3.2 Stocks de Materiais em Processamento ou em Vias 23
3.1.3.3 Stocks de Materiais Semi-acabados 24
3.1.3.4 Stocks deMateriais Acabados ou Componentes 24
3.1.3.5 Stocks de Produtos Acabados (Pas) 24
3.1.4 CONTROLE DE STOCKS 24
3.1.4.1 FUNÇÕES DO CONTROLE DE STOCK 25
3.1.4.2 Controle dos Materiais em Armazém 25
3.1.4.2.1 Contabilização dos materiais em Armazém 25
3.1.4.3 CLASSIFICAÇÃO ABC 27
3.1.4.4 NÍVEIS DE STOCKS 28
3.1.4.5. SISTEMA DE MÁXIMOS MÍNIMOS: 30
3.1.6. STOCK MÍNIMO COM VARIAÇÃO.32
3.2. CUSTO DE PEDIDO (B) 32
3.3. CUSTO DE ARMAZENAGEM (Ca) 33
3.4. TAXA DE ARMAZENAMENTO (Ia) 33
3.5. LOTE ECONÔMICO 34
3.6. RESTRIÇÕES AO LOTE ECONÔMICO 35
4.0. NOÇÕES FUNDAMENTAIS DE COMPRAS 36
4.1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS 36
4.2 CONCEITO DE COMPRA 37
4.2.1 Material Certo 37
4.2.2 Preço Certo 37
4.2.3 Hora.Certa 38
4.2.4 Quantidade Certa 39
4.2.5 Fonte Certa 39
4.3.FUNÇÃO DE COMPRA 39
4.4. FLUXO SINTÉTICO DE COMPRAS 40
4.5.OBJETIVO DE COMPRAS 40
4.6 TIPOS DE COMPRAS 41
4.6.1 Compra para investimento 41
4.6.2 Compras para consumo 41
4.6.2.1 Materiais Produtivos 41
4.6.2.2 Materiais improdutivos 41
4.6.2.3 Compras Formais 41
4.6.2.4 Compras informais 42
4.6.3 SEQÜÊNCIA LÓGICA DE COMPRAS 42
4.6.4 CENTRALIZAÇÃO DAS COMPRAS 43
4.6.5SELEÇÃO DE FORNECEDORES 43
4.6.5.1 ETAPA 1 - Levantamento e Pesquisa de Mercado 44
4.6.5.2 ETAPA 2 - Análise e Classificação 44
4.6.5.3 ETAPA 3 - Avaliação de Desempenho 44
4.6.6. COMPRAS X CUSTOS INDUSTRIAIS 44
4.6.7. ORGANIZAÇÃO DO SERVIÇO DE COMPRAS 45
4.6.7.1 Vantagens de Centralizar: 45
4.6.7.2 O uso de comitê tem as seguintes vantagens: 46
4.6.7.3 Pontos importantes paradescentralização: 46
4.7 CUIDADOS AO COMPRAR 46
4.7.1. COTAÇÃO DE PREÇOS 47
4.7.2. O PEDIDO DE COMPRA 48
4.7.3. O RECEBIMENTO DE MATERIAIS 48
4.7.4. O ARMAZENAMENTO 50
4.7.5. CONHECIMENTO DO MATERIAL 51
CONCLUSÃO 52
Recomendações 53
Referências Bibliograficas 54
ANEXOS 55

Introdução
O presente trabalho aborda vários assuntos tais como o relatório das práticas pré-profissionais,o tema de trabalho de fim do curso ,entre outros, onde o relatório descrito, irá s basear nas actividades pré-profissonais por mim assistidas num período de 90 dias em que estive arduamente empenhado nas actividades. Actividades estas que contribuirão de grosso modo para minha formação e inserção no mercado de emprego, com conhecimentos solídos no que diz respeito a organização e gestão demateriais em stock .
No primeiro capitulo o trabalho reveste-se de uma introdução onde se faz a problematização do tema , justificativa do tema, objectivos do estudo. Para se lograr os objectivos são aqui avançadas algumas hipóteses que se acreditam serem a pré-solução do problema ,bem como os resultados esperados.
O segundo capitulo do trabalho aborda questões relacionadas com aspectos históricos,...
tracking img