Sartre

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (348 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1- A CRÍTICA DA RAZÃO PURA


De acordo com o antreriormente exposto, o livro Crítica da Razão Pura (KANT, 1781), é parte inicial de três obras denominadas “críticas” de Kant. Todavia, aqui sediscorrerá acerca da obra acima citada.
Essa crítica, obra fiundamental do autor, relata a temática da transcendentalidade no ser humano, dividindo- a em estética, analítia e dialéticatranscedentais, que unidas discutem as teorias acerca da apreensão e contrução do conhecimento..
Segundo o autor, há uma diferenciação entre o que as coisas realmente são e o que tais coisasapresentam, ou aparentam, ao homem, denominada de fenômenos, o que o aproxima das teorias científicas de Newton.
Evidencia-se que o termo transcendental para Kant está relacionado à forma de aprrensão doconhecimneto, a partir do que é percebido. Transcendental é organização mental do sujeito “a priori”, anterior à experiência, visando o conhecimento científico.
Temas primordiais da obra, aciência e o conhecimento, que para Kant independem da experiância, são traduzidos pelo autor como “juízos sintéticos a priori e “formas a priori da sensibilidade”.
De acordo com tais conceitos, oconhecimento se dá, no homem, através do fenômeno, com o auxílio da intuição e do intelecto, de maneira lógica.
Dessa forma lógica de elaboração do pensamento resulta a razão pura, concebida poridéias e conceitos, que, para ele, são bem diferenciados entre si.
Com essa razão, Kant aborda Deus, Alma e Mundo que, juntos, formam o que se poderia chamar de metafísica, de acordo com osconhecimentos de sua época.
A metafísica kantiana discorre sobre a idéia de mundo, aliada à intuição sobre Deus e as idéias psicológicas (da alma), contribuindo entre si para a formação da liberdade, noser humano. Todavia, o autor afirma que, para isso, devem ser utilizados os mecanismos utilizados em ciência, ou seja, os juízos sintéticos a priori, para a construção das leis universalmente...
tracking img