Ordem diptera, subordem nematocera

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1962 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Ordem Diptera
Subordem Nematocera
Família Culicidae

São dípteros vulgarmente conhecidos por mosquitos que possuem o corpo dividido em três segmentos. Na cabeça são encontrados os órgãos sensoriais e as antenas com 13-14 segmentos, sendo plumosa nos machos e pectinada nas fêmeas. O aparelho bucal dos adultos é do tipo pungitivo e estes insetos se alimentam através da solenofagia, que éa retirada de sangue diretamente de um vaso sanguíneo. No tórax, as asas e as patas são recobertas por escamas, que geralmente apresentam diferentes tonalidades, gerando manchas de importância na taxonomia deste grupo. O abdômen é composto por dez segmentos, sendo os dois últimos (IX e X) que formam o ânus e a genitália. Nesta subfamília, a genitália dos machos sofre uma rotação de 180° em relaçãoao eixo do corpo, possibilitando a realização da cópula.
São insetos holometabólicos e podem fazer a postura de ovos isoladamente (gêneros Aedes (subfamília Culicinae) e Anopheles (subfamília Anophelinae)) ou formando um aglomerado que recebe o nome de jangada ou balsa (gênero Culex (subfamília Culicinae)). Os quatro estágios larvais apresentam o corpo dividido em cabeça, contendo olhos,antenas, aparelho bucal mastigador-raspador e escovas orais (que têm como função movimentar a água, para facilitar a alimentação); tórax e abdômen dividido em 8 segmentos (sifão respiratório ausente em Anophelinae e presente em Culicinae). As larvas de Anophelinae se mantêm paralelas a superfície do espelho d’água, uma vez que a respiração se dá através das células palmadas, que encontram-selocalizadas por todos os segmentos do abdômen. O corpo das pupas é dividido em cefalotórax, que comporta as trompas respiratórias, e abdômen. Estas duas fases de desenvolvimento são dotadas de movimento.

Tipos de Criadouros de Culicídeos:

[pic]

Subfamília Toxorhynchitinae
Gênero Toxorhynchites: Insetos que não realizam a hematofagia. A principal característica destasubfamília é a probóscida recurvada.

Subfamília Anophelinae
Os ovos são postos isoladamente e apresentam flutuadores que permitem que a postura seja feita diretamente sobre o espelho d’água. Uma característica principal desta família é o pouso, onde o inseto fica perpendicular ao substrato e os palpos das fêmeas são longos, quando comparados a probóscida.
Gênero Chagasia – regiãoNeotropical
Gênero Bironella – região Australiana
Gênero Anopheles – cosmopolita

Gênero Chagasia
- 4 espécies;
- Silvestres;
- Larvas protegidas e em águas límpidas;
- Adultos nas copas das árvores;
- Zoofílicos.

Gênero Anopheles
- Cerca de 54 espécies dividas em 6 subgêneros: Nyssorhynchus, Kerteszia, Stethomyia, Lophopodomyia,Anopheles e Cellia.

Subgênero Nyssorhynchus
- Eurigâmicos (necessidade de espaço pequeno para a cópula);
- Ambientes silvestres, semi-silvestres e rurais;

Anopheles darlingi
- Típico da América do Sul;
- Grandes coleções de água profundas, limpas e sem correnteza;
- Criadouros do tipo Permanentes;
- Larvas e pupas habitam as margens;
-Hábitos antropofílico e endófilo (vive próximo ao homem e dentro do domicílio);
- Principal vetor da Malária.

Malária transmitida por An. darlingi
- Naturalmente infectado;
- Alta susceptibilidade aos plasmódios;

Anopheles aquasalis
- Águas salobras e paradas;
- Criadouros transitórios ou semi-permanentes;
- Faixa litorânea;
- Zoofílico crepuscular;
-Vetor secundário da malária, mas em alta densidade pode ser primário.

Subgênero Kerteszia
- Adultos eurigâmicos;
- Criadouros em recipientes permanentes (bromélias).

Anopheles cruzii
- Litoral brasileiro;
- Local de sombra;
- Hábito alimentar oportunista e eclético;
- Pode apresentar hábitos endófilos;
- Acrodendrófilo (vive na copa das árvores);...
tracking img