Odontopediatria ii - apontamentos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 46 (11483 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Aula 1 - 9/Fev/2011
Alterações do desenvolvimento dentário. Anomalias de número. Agenesias. Supranumerários. Anomalias morfológicas. Anomalias estruturais. Amelogénese Imperfeita. Displasia ambiental.

Anomalias do Desenvolvimento Dentário A dentição humana começa a formar-se por volta da 4ª semana de vida intrauterina (IU) e continua até ao final da adolescência com a calcificação dos 3osmolares. Alterações: Número; Morfologia; Estrutura. Alterações de Número: Agenesia (por defeito): o Decídua; o Permanente. Supranumerários (por excesso) = Hiperdontia

1

Odontopediatria II

Odontopediatria II

2010/11

Agenesia: Ausência de desenvolvimento do gérmen dentário (uma ou mais peças dentárias decúduas ou permanentes estão ausentes). Classificação: Hipodontia: ausênciacongénita de pelo menos 6 dentes. Oligodontia: ausência congénita de mais de 6 dentes. Anodontia: ausência congénita de todos os dentes decíduos e permanentes. Displasia Ectodérmica: Alteração genética na qual existem defeitos congénitos em duas ou mais estruturas de origem ectodérmica (pêlos, unhas, dentes, pele); Prevalência 5% em dentes decíduos; Prevalência 1,6-9,6% em dentes permanentes; 150síndromes de Displasia Ectodérmica; 10000 crianças. Displasia Hipohidrótica: Hipotricose: sem pêlos; Hipohidrose; Hipohidrose: alterações nas glândulas sudoríparas; Características maxilo-faciais: o Malares marcados; o Mento proeminente; o DVO diminuída; o Hipodontia; o Anodontia; o Xerostomia; o Microdontia; o Esmalte hipoplásico; o Atrofia da crista alveolar; o Erupção tardia de ambas as dentições.Opções de tratamento: o Restaurações a Resina Composta (dentes conóides); o Prótese:  Parcial Removível;  Totais;  Sobredentaduras;  Fixa;  Implanto-suportada. Na agenesia de IL sup faz-se diagnóstico por volta dos 3,5 anos. Na agenesia do 2º PM inf o diagnóstico faz-se aos 9-10 anos.
Nunca antes!

Reabilitação na 2ª Idade: Dentição decídua: sobredentadura/PPR aos 2,5-3 anos; Dentição mista:prótese modificada para se adaptar à perda dos dentes decíduos e ao aparecimento dos novos dentes permanentes que vão ou não erupcionar; Dentição permanente: o Prótese Pemovível subtituída por Prótese Fixa, dependendo do número e posição dos dentes presentes; o Prótese Fixa e/ou implantes osteointegrados – opção de tratamento quando a criança termina o crescimento.

2

Odontopediatria II2010/11

Supranumerários: A maioria encontra-se retida e é visualizada apenas através de RX; Dentição decídua: 0,5%; Dentição permanente: 1-4%; 90-95% na maxila, na região dos IC; Múltiplas: Síndrome de Gardner e Disostose Cleidocraneana. Classificação: Suplementares: mesma morfologia que o dente normal Rudimentares: mesiodens; dentes dismórficos; formas atípicas (tuberculadas ou cónicas).Alterações morfológicas locais: Odontodisplasia regional (dentes fantasma): o Anomalia complexa e rara com localização unilateral, quadrante, dentes anteriores superiores; o Afecta ambas as dentições; o Afecta todos os componentes do órgão dentário: “dentes fantasma”. Macro e Microdontia: o Origem hereditária (?); o Generalizada associada a alterações endócrinas (gigantismo hipofisário, hipertrofiahemifacial); o IC sup > M. Geminação: o Tentiva do gérmen se dividir resultando na formação incompleta do dente; o Coroa MD maior que o normal; o Sulco marcado; o RX: 1 raiz, 1 canal radicular. Fusão: o União de dois gérmens dentários; o União do esmalte e da dentina:  Total;  Parcial; o Coroa com tamanho maior; o RX: 2 raizes, 2 canais. Cúspides e tubérculos acessórios o Em qualquer sítio; oTubérculos paramolares: cúspides MV dos 2os e 3os M superiores; o Tubérculo de Carabelli com maior incidência em caucasianos. Dens in dens o Dens invaginatus; o Anomalia embrionária com maior incidência de invaginações das células do epitélio interno do órgão do esmalte; o Característica autossómica dominante; o Pode aparecer em qualquer localização; o Mais frequente cíngulo do IL superior; o...
tracking img