Objetivo da contabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1721 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE ANHAGUERA DE BRASILIA
QS1, LOTES 11, 13 E 15, S\N. BAIRRO TAGUATINGA. ÁGUAS CLARAS
CEP 71950-550 (61) 3352-6290


ATPS DE TEORIA DA CONTABILIDADE

DISCIPLINA: Teoria da contabilidade
PROFESSOR: Emerson Gomes



A Origem da Contabilidade
A Origemda Contabilidade foi exercida nas principais cidades da antiguidade no começo havia atividade de troca e venda. As trocas de bens e serviços eram seguidas de simples registros ou relatórios, logo em seguida alguns escribas egípcio contabilizou os negócios efetuados pelo governo de seu pais no ano de 2.000 a. C.
A medida que o homem começava a possuir maior quantidade de valores, preocupavasaber quanto poderiam render a qual a forma mais simples de aumentar as suas posses, já as escribas governamentais da republica romana 200 a. C. já traziam receitas de caixas classificados em rendas e lucros, as despesas compreendidas nos itens salários, perdas e diversões.
No período que se inicia com as principais civilizações e vai até 1202 da era cristã, quando apareceu o liber abaci , daoutoria Leonardo Fibonaci o pisano.
Período que vai de 1202 da era cristã ate 1494, quando apareceu o tratactus de computis et scripturis de frei luca pacioto ,publicado em 1494, enfatizando que á teoria contábil de debito e do credito corresponde á teoria dos números positivos e negativos, obra que contribuiu para inserir a contabilidade entre os ramos do conhecimento humano.
Períodoque vai de 1494 até 1840, como aparecimento da obra marcante na historia da contabilidade.
A contabilidade não é uma ciência exata. Ela é uma ciência social aplicada pois é ação humana que gera e modifica o fenômeno patrimonial. Todavia a contabilidade utiliza os métodos quantitativos (matemática e estatística) como sua principal ferramenta.
Alias, em tudo que fazemos na vida,precisamos dos métodos quantitativos, dos números. Desde o momento em que levantamos submetemo-nos aos números: idênticos no relógio que horas são, o nosso café esta sujeito a uma quantidade de colheres de açúcar ou gotas de adoçante, a velocidade do carro, o nosso salário, recebimentos e pagamentos, o canal de televisão, as vantagens e desvantagens, em tudo se envolvem números.
Pode-se afirmarcom certa segurança, que a origem do campo de conhecimento do que mais tarde se consubstanciaria como contabilidade situa-se em torno de 4.000 anos a. C. Alguns historiadores fazem remontar a bem antes , por volta do sexto milênio a. C.

Os Primeiros Sinais que Existia Contabilidade na Antiguidade
Os primeiros vestígios de atividade contábil situam-se em por volta de 8.000 a.C., emUruk cidade antiga mesopotâmia no território atual do Iraque. Uruk era um centro da civilização sumeriana. Esses primeiros registros contábeis constituíram-se em ficha de barro poderia representar um boi. Se esse boi fosse transferido para outra pastagem, ou fosse mandando para ser trusquiado, ou fosse emprestada, a sua ficha seria igualmente transferida para outro receptáculo de barro, registrandodessa forma a transação e auxiliando o controle do patrimônio por parte do proprietário. Dessa forma um único evento contábil, por exemplo, um empréstimo de um boi, envolveria dois receptáculos de barro um que forneceria uma ficha e outro que receberia esta ficha.
Após a criação das fichas de barro para o controle da contabilidade, houve a criação de tabuas, com escritos uniformes paraa contabilização de pão, cerveja, materiais e trabalhos escravos em Uruk e Ur, também na suméria. Dessa forma a invenção da escrita pelo homem esta intimamente ligada ao surgimento da contabilidade.
Tabua de pedra calcaria registrando a fundação de um templo em lasca, na antiga suméria, em 1820 a. C. Exemplo de escrita cuneiforme.
O antigo Egito também contribuiu com grandes...
tracking img