Objetivos da contabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1203 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
OBJETIVOS DA CONTABILIDADE
Os objetivos representam os motivos pelos quais determinada atividade é desenvolvida. São por eles que se organizam estratégias, se definem as metas e procedimentos para alcançar o que fora proposto.
Assim como as demais áreas de conhecimento, a Contabilidade desenvolveu-se buscando desenvolver aos anseios da sociedade, tendo como objetivo gerar informações para ocontrole e tomada de decisões.
No que se trata em gerar informações, a Contabilidade propicia o registro, a síntese, a análise e a interpretação das transações que ocorrem no patrimônio das pessoas físicas e jurídicas, levando para o processo decisório do usuário, que são as pessoas ou entidades que necessitam e esperam alguma informação contábil para tomadas de decisões.
Este resultado se dáatravés de informações extraídas de documentos como notas fiscais, contratos, requisições, etc, que sintetizados apresentam aos usuários na forma de relatórios contábeis de forma a facilitar informações oportunas para tomada de decisões, sempre respeitando modelo decisório de cada usuário.
Nesse contexto a linguagem e o processo de abordagem é o caminho mais curto para que o objetivo daContabilidade possa ser atingido em sua plenitude.
EVOLUÇÃO DA CONTABILIDADE
Não se pode precisar a época em que se iniciou a contabilidade. A partir do momento que o homem passou a possuir bens, houve consequentemente a necessidade de controlar esses bens.
Teve um desenvolvimento extraordinário na Europa a partir do século XIII até o início do século XX, pois o continente experimentou um excepcionaldesenvolvimento comercial.
A Contabilidade é uma área de conhecimento cuja evolução sempre esteve associada ao desenvolvimento das atividades mercantis, econômica e sociais.
Frei Luca Pacioli, através de sua obra, divulgou o método das partidas dobradas. Com esta divulgação, a escola italiana ganhou grande impulso e se espalhou por toda a Europa, gerando um desenvolvimento de várias correntesde pensamento contábil conforme segue:
*Contismo: Primeira corrente de pensamento contábil.
Seus defensores adotaram como idéia central o mecanismo das contas, onde, o o processo de escrituração contábil subordinado ao mecanismo das contas tem como objetivo registrar valores a receber ou a pagar. Degranges lançou a teoria das cinco contas gerais, na qual enumerava os cinco principaisefeitos que servem de meio de troca no comércio. Essas contas representam o comerciante e os lançamentos, a débito ou a crédito, em uma dessas contas significam débitos e créditos ao próprio comerciante.
Apesar da grande repercussão do Cotismo, essa corrente de pensamento não identifica a real grandeza da Contabilidade, visto que foca apenas o mecanismo das contas, pelas quais pressupõe que quemrecebe, deve e quem entrega tem haver. Assim, muito mais que estudar o mecanismo das contas, a Contabilidade deve buscar também evidenciar os fatos que deram origem a tais operações e analisar as suas conseqüências sobre os resultados.
*Personalismo: Segunda corrente de pensamento contábil.
Objetiva explicar as relações de direito e de obrigações que surgem no decorrer das atividadesempresariais, dando personalidade às contas. De acordo com Pezzoli (1986) a teoria de logismográfica está fundamentada na inter-relação entre Economia, Administração e Contabilidade, tendo como idéia central que o pensamento econômico é instintivo; o pensamento administrativo mostra ao homem o caminho do direito e da moral; e o pensamento contábil é eminentemente subjetivo e liga-se tanto ao pensamentoeconômico como ao administrativo.
A contabilidade é observada de uma ótica diferente pelo principal crítico da escola personalista, Fábio Besta. Para Besta, o importante seria avaliar a riqueza patrimonial e não personificar as contas. Com esse pensamento, ele lança bases de uma nova corrente de pensamento contábil denominada de Neocotismo.
*Neocotismo: Terceira corrente de pensamento contábil....
tracking img