Novimento ludita

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2227 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Movimento Ludita
Em 26 de março de 1811, em Nottingham, na Inglaterra, os trabalhadores de uma fábrica têxtil destroçam as máquinas acusando-as de lhes roubar trabalho e salário.
Esse movimento de revolta, suscitado pela crença de que a mecanização geraria desemprego. Era chamado de ludismo, nome derivado de um legendário operário que havia destruído dois teares por volta de 1780, John Ludd.Seguiram-se à invenção de um dispositivo revolucionário por um jovem mecânico tecelão de Bury, a lançadeira mecânica volante.
Até então a largura das telas era ajustada à envergadura dos braços dos trabalhadores tecelões, para entrecruzar os fios, que deveriam fazer passar a lançadeira de um lado ao outro. Para obter telas mais largas, era necessário acrescentar outro operário ao ofício. Ainvenção provocou desequilíbrio, pois começa¬ram a faltar fios produzidos na roca.
Esta invenção aparentemente simples fez aumentar a produtividade dos oficiais tecelãs. Os trabalhadores viam nela uma ameaça ao seu emprego e expulsam Kay. Apesar de tudo, a lançadeira mecânica volante se impõe. dobrando a produtividade da tecelagem, faz baixar fortemente o custo dos tecidos, acarretando um aumentosignificativo da demanda. Em lugar de reduzir o número de empregos, contribuiu para aumentá-los em toda a linha da produção têxtil inglesa.
Com a lançadeira mecânica inaugurava-se em 1733 a Primeira Revolução Industrial. Ela se caracterizava por um ritmo sensível de crescimento econômico da Inglaterra e o nascimento das primeiras fábricas, essencialmente do ramo têxtil. Para melhorar o desempenho deseu invento, Arkwright lançou mão em 1777 da máquina a vapor projetada por um mecânico escocês igualmente inspirado, James Watt.
No começo do século XIX, em um contexto de expansão econômica, o ludismo se mostrava como um movimento de retrocesso. Foi evidentemente condenado pelos patrões e pelos economistas liberais, mas também por Karl Marx que via nele uma prova da insuficiente educação dosoperários. Aos seus olhos o problema não era a máquina, mas a exploração que o dono dela fazia em detrimento dos trabalhadores.








Movimento Cartista
A Inglaterra, através da Revolução Industrial, provocou milhares de mudanças no cotidiano dos indivíduos europeus a partir do século XVIII. O desenvolvimento industrial e tecnológico, a mudança do campo para a cidade e o surgimento denovas classes sociais foram os exemplos mais evidentes dessas transformações. No campo da sociedade, destacou-se o nascimento do proletariado ou operariado, que foi a força de trabalho das indústrias inglesas.
Essa classe trabalhadora figurou como peça importante na expansão do capitalismo industrial quanto ao sistema de produção. Eram eles os responsáveis por auxiliar as máquinas e por controlara produção das mercadorias durante o expediente de trabalho. Dessa forma, os proletários possuíam papel fundamental na produção e nos lucros das empresas, pois era a partir de sua força de trabalho que o sistema fabril funcionava.
Os trabalhadores, apesar do papel importante que exerciam dentro das fábricas, não eram bem remunerados e possuíam uma carga horária elevada de serviço. Além disso, ascondições de serviço não eram boas e ofereciam riscos à saúde, os funcionários ficavam reféns do trabalho para sobreviver. Em razão das condições precárias, surgiram gradativamente as primeiras manifestações operárias contra as desigualdades sociais, a miséria e a exploração que eles enfrentavam.
As primeiras revoltas operárias na Inglaterra responsabilizaram as máquinas pelas condiçõesprecárias. Contudo, os operários perceberam que os responsáveis eram os donos das fábricas, que pagavam baixos salários e não ofereciam os direitos necessários para uma boa condição de trabalho, como descanso semanal, férias e uma jornada menos exaustiva. Assim sendo, surgiu o Cartismo, que foi o mais conhecido movimento operário inglês do século XIX que lutou contra a exploração dos trabalhadores....
tracking img