Nova ortografia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2291 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Alfabeto

O conjunto de letras de língua é chamado de alfabeto. O da língua portuguesa apresenta 26 letras.
A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z |
a | b | c | d | e | f | g | h | i | j | k | l | m | n | o | p | q | r | s | t | u | v | w | x | y | z |

A letra h, embora não represente nenhum fonema, é empregada noinício de algumas palavras, no final de certas interjeições e nos dígrafos ch, nh e lh. Exemplo: hálito, higiene, ah!, oh!, chiado, punho, bolha.
As letras k, w e y são empregadas em nomes próprios estrangeiros e seus derivados e em abreviaturas, símbolos e palavras adotadas como unidades de medida de uso internacional.
k: km (quilômetro) | John Kennedy | Hong Kong |
w: darwinismo |Wagner | kW (quilowatt) |
y: Disneylândia | Pink Floyd | Lorde Byron |

Emprego de algumas letras

1. Emprega-se a letra z:
* em palavras derivadas de outras grafadas com z: feliz → felizardo / zelo → zelador;
* em substantivos abstratos femininos terminados em -ez e –eza, derivados de adjetivos: grávida → gravidez / esperto → esperteza;
* em palavras terminadas em -izar(verbos) e -ização (substantivos), derivados de certos substantivos: colono → colonizar → colonização.

2. Emprega-se a letra s:
* nos sufixos -ês, -esa, -isa, -osa, -oso e -ense: freguês, consulesa, poetisa, gasosa, oleoso, cearense;
* em palavras derivadas de outras que têm s no fim do radical: dose → dosagem / liso → alisar / análise → analisar;
* em todasas formas dos verbos querer e pôr, que têm s, e seus derivados: quis → quiseram / pus → puseram / repus → repusesse;
* em substantivos derivados de verbos terminados em -nder ou -ndir: pretender → pretensão / expandir → expansão.

3. Emprega-se a letra x:
* depois de ditongo: feixe, caixa;
* depois da sílaba inicial en-: enxada, enxurrada;
Atenção
Palavras derivadas de outrasque tenha ch mantêm o ch: encharcar (de charco), enchente (de cheio), enchiqueirar (de chiqueiro).
* depois de sílabas inicial me-: mexer, mexerico.
Observação: mecha e seus derivados são escritos com ch.

4. Emprega-se a letra j:
* em palavras derivados de outras que já tenham j: cerejeira (de cereja), lojista (de loja);
* nas formas dos verbos terminados em -jar e -jear: velejei(velejar), almeje (almejar), lisonjeie (lisonjear);
* em vocábulos de origem ameríndia (sobretudo tupi) ou africana: maracujá, pajé, jiboia, jiló, jirau.

5. Emprega-se a letra g:
* em vocábulos formados pelo sufixo -gem: paisagem, corangem, mensagem;
Observação: pajem, laje e lambujem são grafados com j.
* em vocábulos terminados em -ágio, -égio, -ígio, -ógio, úgio: pédágio,colégio, prestígio, relógio, refúgio;
* em vocábulos derivados de outros já grafados com g: mugir → mugido / fingir → fingimento / agitar → agitação.

Notações léxicas

A língua portuguesa emprega alguns sinais gráficos para indicar a pronúncia correta das palavras e auxiliar na escrita. Eles recebem o nome de notações léxicas. São utilizadas as seguintes notações léxicas em português.* Acento agudo ´
Pode ser empregado sobre as vogais tônicas a, e e o para indicar o som aberto; sobre algumas vogais fechadas i e u, se forem tônicas; e sobre o e fechado de alguns ditongos nasais em e ens. Exemplo:
[...] A notícia correra a cidade, o vigário, o farmacêutico da casa, o médico, todos mandaram saber se era verdadeira. [...]
ASSIS, Machado de.In: COUTINHO, Afrânio (Org.).Machado Assis obra completa. Rio de Janeiro: Nova Aguia, 1992.p.653.(Fragmento)
* Acento grave `
O uso do acento grave indica a crase, ou seja, a fusão da preposição a com o artigo feminino a, com os pronomes demonstrativos aquele(s), aquela(s), aquilo e com os pronomes relativos a qual, as quais. Exemplo:...
tracking img