Naturalismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2317 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
NATURALISMO (S)
[UM TRATADO SOBRE O MEU TEATRO]

ÍNDICE

* Introdução…………………………………………………………………….....2
* Naturalismo (s)…………………………………………………………………. 4
* Conclusão………………………………………………………………………10
* Bibliografia……………………………………………………………………..11
* Referências……………………………………………………………………..11

INTRODUÇÃO

O teatro naturalista.
Como se definiu no século XIX?
As motivações quelevaram os respectivos autores do movimento naturalista a criá-lo advieram das suas próprias mundividências que se revelavam carentes de novas formas teatrais. Fez-se a tentativa e o Big Bang deu-se.
Um teatro naturalista.
Como se definirá esta função num teatro novo?
As transformações que o teatro sofreu ao longo dos tempos até aos nossos dias dá-nos um interessante mote de análise e que nosimpulsiona a desejar novas formas para o nosso próprio teatro.
O naturalismo, apesar de tudo, apareceu como uma ponte auxiliada no realismo e que ligava o romantismo ao simbolismo
Este trabalho é um tratado de adeus às máscaras, ao palco à italiana, à quarta parede e, acima de tudo, ao teatro contemporâneo. Teatro este que necessita de se tornar mais e melhor: a renovação total.

NATURALISMO (S)Desde o século XIX até hoje, o naturalismo adquiriu uma marca muito forte para todo o mundo da arte, a marca que mudou o teatro. Na altura, estavam a criar-se novas formas, novas técnicas, sedentas de um método e de uma escola de actores nascidos com Stanislavski. Já então, antes de haver a ovação total a este novo teatro, se sentia um clima de repulsa e pateada com este actor que se anulavaperante a personagem. Hoje, o mundo alargou-se e, por isso, dividiu-se. Em Portugal, nunca ninguém trabalhou o método naturalista na sua condição mais profunda, mas muitos artistas auxiliaram-se dele para criar os seus projectos. No entanto, o ponto está em averiguar se o termo genológico Naturalismo é coerente, hoje, com o devido método a que se liga.
Naturalismo compreende-se por «como nanatureza», igual à natureza, a imitação da natureza e ao que é natural.

“O naturalismo foi um movimento que se desenvolveu no seio da atmosfera cultural criada pelo positivismo, [e pretendia] apreender e observar a realidade humana e social na sua banalidade quotidiana (…)” 1

Foi Tchekov o criador de um pilar fértil para esta corrente, aonde se afixaram também Ibsen, Williams, etc. Enquanto oromantismo (primeira metade do século XIX) correspondia ao movimento da identidade nacional e pessoal acompanhado de autonomia social, a estética naturalista assumiu-se como a primeira teoria moderna do teatro. Numa altura em que os campos da Física se encontravam numa grande evolução, o naturalismo aliou-se ao positivismo de Auguste Comte, que por sua vez assentava num princípio científico, odeterminismo. Esta teoria naturalista centrava-se no cenário construído para obter a reprodução de um ambiente, e no laço dinâmico entre o actor e esse espaço. Não se reflectia a fecundidade desta estética na dramaturgia, mas sim na cena. A representação/interpretação afastava-se da declamação, o actor “ignorava” a presença do espectador (4ª parede) e “vivia” a personagem. Era o período,dramaturgicamente, do fim da “peça bem feita” e do nascimento do encenador. Este encenador que, mais do que um maestro que organizava a cena, tomava o lugar de autor do espectáculo (como ainda hoje), criando duas tipologias de autoria que se dividem: a do encenador e a do autor.
O movimento naturalista tinha, também, como base a determinação da literatura segundo a raça, o meio e o momento (por exemplo,Thérèse Raquin de Émile Zola, o primeiro texto dramático naturalista), e estas premissas constituíam o mote necessário para temas como a crueldade e a provocação que, mais tarde, influenciaram correntes artísticas da segunda guerra mundial e seguintes. Nietzche criticou pejorativamente, em 1871-1872, a ideia de mimesis, e advogou a consciência da morte de Deus e a reescrita de uma nova história da...
tracking img