Mushrooms

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 39 (9539 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A Verdade sobre o Talmud
Michael A. Hoffmann II & Alan R. Critchley

www.fenestrainfernalis.com

 

Michael A. Hoffman II
Alan R. Critchley

A Verdade sobre o

TALMUD
Uma Exposição Documentada da
Literatura Rabínica Supremacista de Ódio

Tradução: “Jean Marie Le Pen”
(Pseudônimo)
 
 
 

 



 

 

 

A Verdade sobre o Talmud
Michael A. Hoffmann II & Alan R.Critchley

www.fenestrainfernalis.com

 

Michael A. Hoffman II
Alan R. Critchley 

88888888888888888

A Verdade sobre o

TALMUD
Uma Exposição Documentada da
Literatura Rabínica Supremacista de Ódio

Tradução: “Jean Marie Le Pen”
(Pseudônimo)
 
 
 
 
 
 



 

 

 

A Verdade sobre o Talmud
 
Michael A. Hoffmann II & Alan R. Critchleywww.fenestrainfernalis.com

 
Copyright © Michael A. Hoffman II & Alan R. Critchley
Website “Love for Life” [http://www.loveforlife.com.au/node/3042 ]
Independent History & Research, Box 849, Coeur d'Alene, Idaho 83816
Estados Unidos da América
Título Original: The Truth About the Talmud - A Documented Exposé of Supremacist
Rabbinic Hate Literature by Michael A. Hoffman
Tradução Portuguesa
“Jean Marie Le Pen”(pseudônimo)
Blog “Judaísmo e Maçonaria”
[http://judaismoemaconaria.blogspot.com/2007/07/verdade-sobre-o-talmud.html ]
Edição e Revisão
Fanisk
www.fenestrainfernalis.com
Proibida a reprodução total ou parcial desta obra, de qualquer forma ou por qualquer
meio eletrônico, mecânico, inclusive por processos xerográficos, sem permissão
expressa do Autor (Lei 9610 de 19.02.98)
 
 
 
 
 
  
 
 
 
 
 
 
 



 

 

A Verdade sobre o Talmud
Michael A. Hoffmann II & Alan R. Critchley

www.fenestrainfernalis.com

 

A Verdade sobre o

TALMUD
Uma Exposição Documentada da
Literatura Rabínica Supremacista de Ódio
por Garantia de João 18, 37, Gálatas 4, 16 

Introdução
O Talmud é o livro mais sagrado do Judaísmo (na realidade uma coleção de
livros). Suaautoridade toma precedência sobre o Antigo Testamento no Judaísmo.
Evidência disso pode ser encontrada no próprio Talmud, Erubin 21b (Edição Soncino):
"Meu filho, seja mais cuidadoso na observância dos Escribas do que nas palavras da Torah
(Antigo Testamento)."
A supremacia do Talmud sobre a Bíblia no Estado Israelense pode também ser
vista no caso dos Judeus etíopes negros. Etíopes sãoversados no Antigo Testamento.
Porém, sua religião é tão antiga que pré-data os Escribas do Talmud, dos quais os
etíopes não têm conhecimento. De acordo com o N.Y. Times de Set. 29, 1992, p.4:
"O problema é que a tradição etíope Judaica vai não mais que a Bíblia ou a Torah; o mais
tardio Talmud e outros comentários que formam a base das modernas tradições nunca vieram o
suficiente."
Porque eles nãosão comerciantes na tradição Talmúdica, os judeus negros
etíopes são discriminados e foram proibidos pelos sionistas a dirigir casamentos,
funerais e outros serviços no Estado Israelense.
Rabi Joseph D. Soloveitchik é respeitado como um dos mais influentes rabis do
século XX, o "líder que não traz desafio" do Judaísmo Ortodoxo e a autoridade
internacional em halakha (lei religiosa Judaica).Soloveitchik foi responsável pela
instrução e ordenação de mais de 2,000 rabis, "uma geração inteira" de lideranças
Judaicas.
O repórter de religião, Ari Goldman, do N.Y. Times, descreveu a base da
autoridade do rabi:
 



 

 

A Verdade sobre o Talmud
Michael A. Hoffmann II & Alan R. Critchley

www.fenestrainfernalis.com

 
"Soloveitchik veio de um longa linha dedistinguidos estudiosos Talmúdicos... Até
o começo do século XX, ele se devotou quase exclusivamente ao estudo do Talmud...
Ele veio do Seminário Teológico Elchanan da Universidade de Yeshiva University,
onde permaneceu como proeminente professor de Talmud... Ele sustentou o título
de Leib Merkin professor de Talmud... sentando com seus pés cruzados em frente à
mesa sustentando um volume aberto do...
tracking img