Modelo de contrato social

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1112 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CONTRATO SOCIAL

1


2 SOUSA & SOUSA CONFECÇÕES LTDA



HEROMAR MARIA DE SOUSA, brasileira, casada, sob regime de comunhão parcial de bens, residente e domiciliada à Rua 59 Qd.190 Lt.02 – Setor Independência Mansões – Aparecida de Goiânia – Goiás – CEP 74959-270, nascida em 26 de Janeiro de 1986, nascida em Crateus – Ceará, filha de José Bueno de Sousa e Francisca Maria da Conceição,portadora da Carteira de Identidade nº 4.944.933 órgão emissor DGPC/GO, e do CPF n.º 014.899.291-93;

MARIA DAS GRAÇAS DE SOUSA, brasileira, casada, sob regime de comunhão parcial de bens, residente e domiciliada à Rua 59 Qd.191 Lt.04 - Fundos – Setor Independência Mansões – Aparecida de Goiânia – Goiás – CEP 74959-270, nascida em 19 de Junho de 1977, nascida em Crateus – Ceará, filha de JoséBueno de Sousa e Francisca Maria da Conceição, portadora da Carteira de Identidade nº 5.500.525 órgão emissor SPTC/GO, e do CPF n.º 746.874.091-72 ;

Cláusula Primeira

3 A sociedade terá como denominação social SOUSA & SOUSA CONFECÇÕES LTDA, e adotará como nome fantasia, SOUSA & SOUSA CONFECÇÕES, terá sede e domicílio na Rua 59 Qd.191 Lt.04 – Frente - Setor Independência Mansões – Aparecidade Goiânia – Goiás – CEP 74959-270.(art. 997, II, CC/2002).


Cláusula Segunda
O capital social será de R$ 10.000,00 ( Dez Mil Reais) dividido em 10.000 (dez mil) quotas de valor nominal R$ 1,00 (um real), integralizadas, neste ato em moeda corrente do País, pelos sócios: (art. 997, III, CC/2002) (art. 1.055, CC/2002).
|Sócios |Participação %|Quotas |Valor. Unitário |Valor. Total |
|HEROMAR MARIA DE SOUSA |50,00% |5.000 |1,00 |5.000,00 |
|MARIA DAS GRAÇAS DE SOUSA |50,00% |5.000 |1,00 |5.000,00 |
|TOTAL|100,00% |10.000 | |10.000,00 |

Cláusula Terceira

O objeto da sociedade será:

• CONFECÇÃO DE PEÇAS DE VESTUÁRIO;
• FACÇÃO DE PEÇAS DO VESTUÁRIO;
• CONFECÇÃO DE ROUPAS PROFISSIONAIS.



Cláusula Quarta
A sociedade iniciará suas atividades em 26 Outubro de 2011 e seu prazo de duração épor tempo indeterminado. (art. 997, II, CC/2002).


Cláusula Quinta
As quotas são indivisíveis e não poderão ser cedidas ou transferidas a terceiros sem o consentimento do outro sócio, a quem fica assegurado, em igualdade de condições e preço direito de preferência para a sua aquisição se postas à venda, formalizando, se realizada a cessão delas, a alteração contratual pertinente. (art. 1.056,art. 1.057, CC/2002)

Cláusula Sexta
A responsabilidade de cada sócio é restrita ao valor de suas quotas, mas todos respondem solidariamente pela integralização do capital social. (art. 1.052, CC/2002).

Cláusula Sétima
A Sociedade será administrada, gerida e representada, em juízo ou fora dele, ativa e passivamente, pelos sócios HEROMAR MARIA DE SOUSA e MARIA DAS GRAÇAS DE SOUSA os quaisassinam isoladamente entre si, quem sob a denominação social, lançará o respectivo uso da firma, em negócios de exclusivo interesse social, ficando expressamente vedado o seu uso em avais, fianças, abonos, alienar bens imóveis da sociedade, endossos e demais atos em favor de terceiros, ou em negócios alheios a sociedade, sem autorização do outro sócio. (artigos 997, V; 1.013. 1.015, 1064,CC/2002).

Cláusula Oitava
Os sócios administradores receberão pelos serviços que prestarem a sociedade, a título de remuneração pró-labore, quantia mensal fixada em comum acordo, a qual será levada a débito de despesas gerais. Os excessos de retiradas, segundo os preceitos tributários, serão considerados como antecipação na distribuição dos Lucros, e tal privilégio será considerado como forma de...
tracking img