Metacompetencias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1348 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Estadual da Paraíba
Centro de Ciências Sociais Aplicadas
Departamento de Administração e Economia

Habilitação: Bacharelado em Administração

Campina Grande – Paraíba
2012

Equipe: Amanda Waleska
Maria do Socorro
Maria Mayara
Patricia Araújo
Rayanne Muniz

Eugenio Mussak

METACOMPETÊNCIA

Uma nova visão do
trabalho e da
realização pessoal.

O Autor:
•EUGÊNIO MUSSAK:






Formado em medicina (UFPR).
Professor desde 1971.
Empresa de consultoria educacional.
Autor de dezenas de artigos publicados.
Um dos principais pensadores da atualidade
nas questões relativas ao comportamento
humano no trabalho.

Eugenio Mussak - Metacompetência

 META
= algo que transcende.

 METACOMPETÊNCIA
= o que esta além da
competência. ParteI

O homem e sua capacidade
de pensar.
 O homem continua aprendendo a pensar.
 Quebrar paradigmas = mudar uma crença disseminada.

• Capítulo 2:
– A importância da capacidade de adaptação.
• Capítulo 3:
– As exigências de um mercado insaciável.

Eugenio Mussak - Metacompetência

P a r t e II

Exigências da sociedade

pós-industrial

Capítulo 4:
• Conhecimento – aprincipal vantagem competitiva.
– O conhecimento como produto:
• Vivemos a Era do conhecimento. Há um novo tipo de trabalhador
surgindo o chamado “trabalhador do conhecimento” expressão
criada por Peter Drucker.
• Esse trabalhador não e apenas aquele cuja atividade tem o
conhecimento como produto
• Ter informação não e mais uma vantagem competitiva, e sim ter
conhecimento.
• O conhecimento éperecível: quando não usado deterioria-se, quando
não aumentado ou reciclado, desvaloriza-se.
• Os colaboradores das empresas passaram a ser selecionados menos
pelo que sabem fazer e mais pelo que podem aprender a fazer

Eugenio Mussak - Metacompetência

Capítulo 4:
• Gestão de conhecimento.
– Existem dois tipos de conhecimento:
• O Explícito
• O Tácito

• Conhecimento não se transfere.– É algo pessoal não pode ser transferido de uma pessoa
para outra por inteiro, com todas as suas características,
detalhes e significados. Quanto as informações essas sim
podem ser transferidas.
– São necessários dois elementos para construção do
conhecimento: a percepção do significado e a criação de
um elo afetivo.
Eugenio Mussak - Metacompetência

Capítulo 5:
• O Eterno Aprendiz
–Manter o coração de estudante batendo durante toda a vida passou a ser
fundamental para a sobrevivência e para o desenvolvimento profissional;
– É de grande importância saber a diferença entre treinamento e educação;
– A responsabilidade pelo desenvolvimento humano na idade adulta, cadê
ao próprio indivíduo.
– Existem alguns princípios do aprendizado:
1) Toda pessoa é capaz de aprender;
2)Todas as potencialidades podem ser ampliadas: somos aprendizes
em potencial, como qualquer parte do corpo o cérebro vale-se da lei
do uso e desuso;
3) Todos os limites são preconcebidos;
4) É grande o componente emocional na aprendizagem.

Eugenio Mussak - Metacompetência

Capítulo 6:
• Desenvolvimento humano como meta.
– Há uma área da psicologia chamada psicologia do desenvolvimento.Sua
função é estudar a forma como o ser humano se desenvolve, com a
finalidade de corrigir desvios e estimular progresso adequado do
indivíduo desde o nascimento até a idade adulta.



Máquina do tempo.
– A ideia é bem antiga e está ligada menos a curiosidade de conhecer o
futuro e mais no desejo de voltar ao passado.
– Já existe, é barata e acessível a todos: É a própria consciência.– Aumentar o conhecimento de nós mesmos permite o desenvolvimento
de qualidades imprescindíveis ao bom funcionamento de nossa vida.

Eugenio Mussak - Metacompetência

Capítulo 6:
• Você em uma dinâmica de grupo.
– Precisamos nos manter equilibrados, temos de buscar
conhecer a nos mesmos sempre em um processo
contínuo de autodesenvolvimento
– Existem algumas características que a...
tracking img