Memorial

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 39 (9716 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Colégio Pedro II


PROGRAMA DE RESIDÊNCIA DOCENTE
ÁREA III – PORTUGUÊS

Coordenadora: Profa. Ana Cristina Coutinho Viegas
Supervisora: Denir Ferreira

MEMORIAL CIRCUNSTANCIADO

Por:
Clóvis Machado Moraes

Nasci em uma família em que estudar era considerado sagrado. Professor em minha casa era elevado à categoria de semideus. Como minha mãe era muitoreligiosa, abaixo de Deus havia somente profissionais como professor e médico que mereciam tanta deferência. Meu pai não se ocupava com essas questões, pois, para dar conta de uma família numerosa, não tinha muito tempo para essa tarefa. Delegava esta função à esposa que, a meu ver, cumpriu-a muito bem. Minha mãe até hoje no alto de seus 84 anos se orgulha de nunca ter faltado a nenhuma reuniãoescolar de seus filhos. Para ela, estudo é o maior tesouro que um pai deve deixar para seus filhos. Foi com base nesses valores que fui criado e, por que não dizer, formado? Quando o senso comum afirma que a família é a base de tudo, eu me rendo e reconheço neste aforismo uma grande verdade, pois dos valores que carrego comigo até hoje, quase todos nasceram no seio desta família. Tais valoresforam moldando meu pensamento, meu caráter e meu destino.
Tornei-me professor. Poderia ser outra coisa? Quando criança tinha verdadeira devoção pela tia do jardim. Na adolescência, profunda admiração pelos diversos professores que propagavam seus conhecimentos por todos os cantos da sala. Tudo para mim era mágico. Nunca deixava de fazer nenhum dever de casa. Tinha de ter letra bonita, exigia-se quefôssemos (eu e meus irmãos) estudiosos e educados com os mestres. Receber reclamação de professor era a morte para minha mãe. Não, não poderia ser outra coisa, pois meu universo familiar só conspirava a favor desta carreira. Como estudar estava quase no DNA da família, fiz vestibular como quem se inscreve para um teste no meio de um bimestre letivo. Passei logo de primeira e na opção queescolhera.
Fui para a faculdade ainda mais fascinado pelo universo da intelectualidade. A Academia era para mim uma libertação. Lia tudo o que me pediam, a biblioteca era o lugar onde ficava muitas horas, sem me dar conta do tempo lá fora. Até o cheiro de mofo era-me agradável, tamanha a admiração e prazer por tudo que me cercava na Universidade. Sentia-me em casa e, quando dei por mim, já era odia de minha formatura. Uma emoção indescritível para meus pais.
Formei-me em Letras pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro no ano de 1992, e, com o diploma na mão, segui em busca de trabalho. Em maio de 1993 já estava trabalhando na rede particular de ensino, onde fiquei por dezenove anos. Nos últimos períodos da faculdade prestei concurso para a Rede Estadual, tomando posse apenas noano de 1997. No início, o trabalho era bastante empolgante, pude desenvolver vários projetos com colegas tão empolgados quanto eu. Mas a realidade e o tempo vão podando os sonhos de forma tão intensa, que toda a ideologia de um jovem professor vai cedendo lugar para uma pessoa mais madura, mais pragmática; pois lidar com a adversidade no ofício como falta de material, condições insalubres detrabalho, salários muitas vezes incompatíveis com o que seria o mínimo razoável é inegavelmente muito difícil!
Mas a beleza da profissão continua ainda dentro de mim, pois foi esta a herança que recebi de minha mãe e dela não abro mão. Ainda acredito que ser professor é como ser um ourives, um lapidador de vidas. Pouco a pouco esse artesão vai talhando a alma daqueles que por ele passam, pois apalavra é sua ferramenta mais nobre, o encanto, a paciência, o saber esperar para ver florir sua obra são outros de seus atributos mais caros. É um trabalho solitário que muitas vezes começa a ser preparado muito antes de entramos em sala de aula. Começa com uma leve angústia dentro de nós mesmos. Quando vamos a um teatro ou a um cinema estamos não só assistindo à peça ou ao filme, estamos...
tracking img