Memorial de calculo

Orlândia, 21 de Dezembro de 2009.





À



AGROMEN CAPINOPÓLIS - MG







Ref.: Especificação Cabos de Linha de Vida.








COBERTURA LATERAL
(01 linha de vida)

1 –INTRODUÇÃO:

O presente documento, apresenta sugestão técnicas, referente às instalações do cabo de vida, na unidade da Agromen em Capinopólis - MG, os eleementos estruturais que devem comporo sistema em questão.




- Carga atuante no cabo vida flexível: 1,0 tf (cf. norma: NBR 14626)
- Cada linha deverá suportar apenas um trabalhador, de peso máximo 100 kg (cf. NBR 11370)
-Flecha máxima permitida: 1 m (cf. norma: NBR 14626)
- Cálculo estrutural cf. normas NBR 8800 e 14762.


Modelo do sistema proposto:


O modelo deve ser semelhante como na figura [pic]– Resistência das tesouras:


Esforço atuante no banzo inferior: 1,25 tf (compressão)
– Resistência dos pilares:


Esforço atuante: 2,6 tf (compressão)


Resultado: Ospilares atendem ao esforço atuante.




Cabo vida:

Ø: 5/16” (6 fios)
Carga admissível: 3,83 tf (Cabo Cimaf 6x7 + AF)
Esforço atuante: 3,00 tf


– Fixação das pontas:A fixação das pontas deve ser conforme descrito abaixo


Fixação Correta: A forma correta de realizar fixação dos cabos é mostrada na figura 03, coma base do grampo colocada no trecho maiscomprido do cabo (aquele que vai em direção ao outro olhal) e deve-se utilizar no mínimo três grampos de fixação. O cabo não deve ser passado diretamente no olhal, deve ser usado sapatilhas (figura04).




[pic] [pic]
Figura 03 – Forma correta fixação das pontas Figura 04- Sapatilha




– Distância entre ospontos de ancoragem:

Distância entre pontos de ancoragem: 5,0 m , com tubo de ferro


- Instalação do trava queda:

Ø: 5/8"
Carga admissível: 4,0 tf (SAE 1020 – Fy = 2,4...