Meierhold

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2504 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
VSÉVOLOD MEYERHOLD – A Biomecânica



“Tirem a palavra, o figurino do ator, o palco cênico, o edifício teatral e as coxias, deixem somente o ator e seus movimentos para os quais foi treinado, mesmo assim o teatro continuará: o ator comunicará ao espectador através de seus movimentos, dos seus gestos, da sua mímica; o ator pode organizar, sem a ajuda do edifício teatral, o seu teatro como,onde quiser e considerar adequado, dispondo da própria habilidade.”

(Meyerhold)



Introdução:



Karl Kazimir Theodor Meyerhold, nasceu em 1874, em Penza, na Rússia. Aos 20 anos mudou seu nome para Vsévolod Emilevich Meyerhold,em homenagem a Vsévolod Garsin, jovem escritor pessimista que havia cometido suicídio. Desde muito jovem, Meyerhold teve contato com a arte através de sua mãe, que transmitiu o gosto pela música e espetáculos. Sua primeira experiência teatral foi aos 18 anos com um grupo de teatro amador em uma representação escolar, onde atuou e também foi assistente de direção. Foi a Moscou estudar direito, masdeixou a escola em 1896 e ingressou nas aulas de Vladimir Nemirovich-Danchenko, no Instituto Dramático-Musical da Filarmônica de Moscou. Tendo concluído os estudos e formando-se ator, em 1898 foi convidado a se juntar ao recém-fundado Teatro de Arte de Moscou - TAM, de Stanislavski, onde trabalhou por quatro anos. Templo do naturalismo e do realismo psicológico, o Teatro de Arte de Moscou foi agrande escola de Meyerhold. Porém, após algumas experiências no TAM, Meyerhold começou a discordar do conceito stanislavskiano e em 1902 separou-se de seu mestre. Na tentativa de contrapor-se à estética naturalista, fundou com Kocherov um grupo chamado “Sociedade do Drama Novo”. Negando o naturalismo proposto principalmente na primeira fase do trabalho de Stanislavski, Meyerhold buscou outraidentidade estética para a sua pesquisa. Para isso, de maneira semelhante a Jacques Copeau, extraiu da Commedia Dell’Arte e das artes orientais, sobretudo do Kabuki e da Ópera de Pequim Chinesa, as bases para o seu teatro. Descobriu, assim, a importância da movimentação e do ritmo. O corpo, ao seu entender, tem um poder de significação muito maior que a palavra.

Partindo de um treinamento detécnicas corporais Meyerhold criou um sistema teatral, a biomecânica, que permite ao ator dizer com o corpo o que em outros momentos era dito apenas com o texto. Neste processo, que se assemelha com as figuras de estilo de Decroux, usa-se também o recurso do distanciamento da interiorização (termo mais tarde nomeado por Brecht) substituído pela técnica corporal. Nasce então um novo tipo de encenaçãoligada com o construtivismo (movimento vanguardista russo de 1920), onde o palco, além de focar os movimentos dos atores, deu espaço para iluminação e artes plásticas, fundamentando a teatralidade e a função social.

Meyerhold eliminou o proscênio e trouxe para o seu trabalho, a máscara. Desnudou o palco e expôs os meios metafóricos do gesto, do ritmo e da maquiagem. Entre 1918-1919,Meyerhold organizou uma Escola para Treinamentos dos Atores, a fim de formar atores polivalentes que colaborassem na criação. Estudava-se, em sua escola, técnicas de movimento cênico, pantomima, Commedia Dell´Arte e teatro espanhol. O fundamento de sua biomecânica estava na ideia de centrar, no corpo do ator, a expressão e vida de seu teatro. Meyerhold com o desejo de trazer uma nova encenação rompeucom as formas dramáticas de representação e trouxe para a cena um novo ator. O ator biomecânico é ágil, otimista, feliz, simples; não precisa de disfarces ou maquiagem. O corpo do ator é entendido como mais um objeto de cena, portanto sua disposição em relação ao cenário tem importante papel como elemento de comunicação visual. Por essas razões, outros elementos típicos do teatro de Meyerhold,...
tracking img